“Pilotando melhor do que nunca”, Vettel aprendeu com erros de 2010, diz chefe da Red Bull

Christian Horner pensa que a disputa pelo título de 2012 é a mais difícil que a Red Bull já enfrentou, mas confia na maturidade de Sebastian Vettel para ficar com a taça

Quando Sebastian Vettel conquistou o mundo pela primeira vez, precisou lidar, ao longo do ano, com críticas, motivadas por alguns erros infantis que cometeu durante o campeonato. Dois anos mais tarde, o alemão segue como um dos protagonistas da F1 e lidera o Mundial a quatro corridas do fim. E sem cometer os erros de outrora.

Para o chefe da equipe Red Bull, Christian Horner, Vettel é, hoje, um piloto muito mais maduro do que era em 2010: “Ele continuou a ganhar experiência nos últimos dois anos e está pilotando melhor do que nunca”.

Horner destacou como Vettel é, hoje, um piloto melhor do que era em 2010 (Foto: Red Bull/Getty Images)

Aos 25 anos de idade, o alemão, que quebrou recordes de precocidade na F1, pode se tornar o mais jovem tricampeão de todos os tempos. No esforço que fará na reta final da temporada de 2012, levará consigo as lições que aprendeu na caminhada para o seu primeiro título.

“Ele passou por momentos difíceis em 2010, a caminho daquele título, e todas as experências que enfrentou o colocam numa boa posição [hoje]”, afirmou Horner, que ressaltou que ninguém na RBR dá a terceira conquista consecutiva como certa. “Estamos apenas seis pontos à frente de Fernando [Alonso] e ele estava ao lado de Sebastian no pódio”, atentou o dirigente.

Renan do Couto: nas provas que encerram o campeonato, Vettel tem retrospecto melhor que Alonso

O chefe da equipe austríaca classificou a disputa pelo Mundial deste ano como a mais difícil que o time já enfrentou. “Não está nem um pouco fácil e, quanto mais você obtém sucesso, mais difícil fica”, falou.

“Este ano está sendo mais intenso que os anteriores. O primeiro é muito especial, nós defendemos o título melhor do que ganhamos pela primeira vez, mas ainda há muito para acontecer neste campeonato e Seb está com seis pontos de vantagem a quatro provas do fim”, avaliou Horner. Dá para dizer que a mesma lógica de crescimento que o inglês usou para falar da equipe pode ser aplicada também a Vettel.

No Mundial de Construtores, a situação rubrotaurina parece um pouco mais tranquila do que entre os pilotos. Com 367 pontos, o time tem 77 pontos a mais que a Ferrari, vice-líder. A McLaren vem na terceira posição, com 284 pontos. Vencendo a disputa dos times em 2012, a Red Bull se tornará a quarta equipe na história a triunfar em três anos consecutivos – as demais são Ferrari, McLaren e Williams.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube