Pirelli suspeita que detritos causaram estouro de pneu de Verstappen em Ímola

Um estouro de pneu custou pódio para Max Verstappen no GP da Emília-Romanha. A Pirelli suspeita que detritos na pista forçaram o abandono do holandês

Chefe da Pirelli, Mario Isola acredita que detritos na pista causaram o estouro de pneu e consequentemente o abandono de Max Verstappen, da Red Bull, no GP da Emília-Romanha, disputado no último domingo (1).

O piloto da Red Bull caminhava para um pódio com a segunda posição até o estouro do pneu traseiro direito, que danificou a suspensão e deixou o carro na caixa de brita com apenas 13 voltas para o fim.

“É claro que precisamos olhar o pneu médio que completou 32 voltas com Max Verstappen para entender o que aconteceu. Parece que detritos na pista podem ter causado o estouro”, disse Isola após a corrida.

Max Verstappen rodou e abandonou com estouro de pneu (Foto: Reprodução/Twitter)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Verstappen não escondeu a decepção com o quarto abandono na temporada 2020. O resultado manteve Verstappen com 162 pontos na classificação, no terceiro lugar.

“Não sei exatamente o que aconteceu, mas olhei rápido e não tinha nada quebrado no carro. É uma pena grande. Estava bem divertido, eu estava acelerando bem para ficar junto deles. É uma pena que não tenhamos ido ao pódio, mas somos segundo colocados. Grande pena”, explicou o piloto após a corrida.

Ouça os programas do GRANDE PRÊMIO no formato de podcast:
Anchor | Apple | Spotify | Google | Pocket Cast | Radio Public | Breaker

Siga o GRANDE PRÊMIO nas redes sociais:
YouTube | Facebook | Twitter Instagram | Pinterest | Twitch | DailyMotion

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube