Por investigação, Ferrari remove marca Mission Winnow dos carros no GP da Austrália e usa uniformes de 2018

Ao menos para o GP da Austrália, a marca 'Mission Winnow', da Philip Morris, não vai aparecer nos carros da Ferrari e nem nos uniformes de pilotos e equipes. Tudo por conta de um processo investigativo feito pelo governo local, que entende haver ligação da marca com o consumo de cigarros, o que é proibido tanto pelas leis da Austrália como da União Europeia

Com menos de duas semanas restantes para o início da temporada da Fórmula 1, a Ferrari optou por remover o patrocínio da empresa de cigarros Philip Morris do seu nome oficial. Os carros, uniformes e banners da escuderia também não vão mostrar a marca ‘Mission Winnow’, presente na equipe desde o GP do Japão de 2018.
 
A mudança constou na lista oficial de equipes da FIA para a temporada. Agora, a equipe volta a atender apenas por "Scuderia Ferrari". 
 
A campanha Mission Winnow, que tem objetivo em procurar alternativas para reduzir o consumo de cigarros, está sendo investigada pela União Europeia e pelo governo da Austrália, que poderia até banir a participação do time italiano na abertura da temporada, já que a propaganda de cigarros é proibida no país.

Ao menos na Austrália, a Ferrari não vai exibir a marca 'Mission Winnow' nos carros e uniformes (Foto: Ferrari)

Na Austrália, a Ferrari utilizará o layout sem a inscrição da marca. E os uniformes, tanto dos pilotos quanto dos demais membros da equipe, vai ser a versão que foi usada durante boa parte da temporada passada. 

 
A equipe corre contra o tempo para fazer as atualizações necessárias no carro de modo a não exibir a marca, de propriedade da Philip Morris.
 
As marcas de tabaco estão banidas de anunciar em carros da Fórmula 1 desde 2007, mas isso não impediu que a parceria da Philip Morris com a tradicional continuasse. 
 
Recentemente, a McLaren acertou um acordo semelhante com a British American Tobacco para a aparição da marca ‘A Better Tomorrow’. A inscrição, porém, não aparece no nome oficial do time de Woking.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube