Renault escala Alonso e Zhou para teste de pós-temporada da Fórmula 1 em Abu Dhabi

O tradicional teste coletivo dos novatos não será apenas para novatos. Assim, a Renault confirmou a escalação de Fernando Alonso, que participa da sessão em Abu Dhabi ao lado do chinês Guanyu Zhou

Acabou o suspense. Após a luz verde da FIA, Fernando Alonso vai participar do teste coletivo de pós-temporada em Abu Dhabi. O espanhol, que volta ao grid da Fórmula 1 em 2021, vai finalmente ter a oportunidade de andar de verdade com o carro atual da categoria, na sessão que era conhecida como apenas para novatos. A confirmação da Renault veio nesta quinta-feira (3), com o bicampeão dividindo as tarefas com o chinês Guanyu Zhou, da F2.

Como o teste de 15 de dezembro era para pilotos jovens, equipes como McLaren e Haas entendiam que Alonso não se encaixava, por ser um piloto de longa carreira na F1, ainda que fora do grid há dois anos.

No fim das contas, porém, os testes contam com diferentes regras agora em relação ao ano passado. Os únicos pilotos verdadeiramente bloqueados são aqueles sem contrato válido para a temporada 2020 com alguma equipe. Assim, não somente Alonso, mas Robert Kubica, Sébastien Buemi, Stoffel Vandoorne e – todos ex-F1 fora do grid deste ano, mas reservas de alguma equipe – podem ser escalados.

Fernando Alonso estará no grid da F1 em 2021 e no teste de Abu Dhabi em 2020 (Foto: Renault)

“Queremos agradecer FIA e F1 por terem aceitado nossa proposta de teste, já que somos tão comprometidos com a formação de jovens pilotos e também a dedicação do próprio Fernando em ajudar na carreira de pilotos jovens. Zhou é um cara que sabe bem dos benefícios da nossa academia de jovens, tem trabalhado duro e ajudado muito a equipe no simulador e nos testes. Estou bem feliz que ele poderá guiar o carro para fechar essa jornada dele até aqui. Para Fernando, um próximo passo em seu retorno. Ele tem trabalhado sem cansar para estar realmente pronto para 2021. Ele quer ajudar em tudo, ser valioso para equipe e fãs para compensar o tempo fora”, disse o chefe da Renault Cyril Abiteboul.

Desde que confirmou o retorno para a F1 em 2021, Alonso tem feito testes com o carro de 2018, tentando se manter na ativa e acostumado com aspectos do bólido. Ainda que, claro, o carro atual esteja praticamente fora de alcance. A única possibilidade de andar com o carro de 2020 foi num dia de filmagem, mas estas atividades estão limitadas a somente 100 km de quilometragem. Abu Dhabi será a primeira oportunidade real de testar o carro.

Os testes de Abu Dhabi serão a primeira atividade vislumbrando o ano de 2021 e, para isso, cada equipe pode dispor de seus dois carros na pista. De acordo com a rede de TV espanhola Movistar, McLaren e Racing Point escolheram não participar, ao passo que a Haas usará somente um carro – e provavelmente dividirá o monoposto entre seus dois pilotos novatos: Mick Schumacher e Nikita Mazepin.

https://open.spotify.com/episode/56EWZtjjXZerTSc5mEGdpr?si=dXJwGloaQQ6ZEGdY1gUInQ&nd=1

Siga o GRANDE PRÊMIO nas redes sociais:
YouTube | Facebook | Twitter Instagram | Pinterest | Twitch | DailyMotion

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar