F1

Ricciardo diz que motor Renault “definitivamente melhorou” e aponta necessidade de evolução do chassi

Mesmo com dois abandonos em duas corridas da temporada, Daniel Ricciardo comentou sobre a evolução do motor e chassi da equipe francesa, e também entregou que o time fará atualizações no carro para a etapa da China, que acontece na semana que vem

Grande Prêmio / Redação GP, de Campinas

O início da trajetória de Daniel Ricciardo na Renault foi longe do ideal. Nas duas primeiras corridas da temporada, o piloto australiano acabou abandonando. Na Austrália, perdeu a asa dianteira logo na largada e correu muito fora do ritmo, enquanto somava pontos no Bahrein até sofrer um problema de motor nas voltas finais. Mesmo depois do duplo revés, o sorridente piloto tenta manter a positividade em relação ao R.S.19.

Em entrevista à Fox Sports Austrália, Ricciardo citou que apesar do início ruim, o motor Renault vem evoluindo de forma devagar. O chassi, que era o principal problema em 2018 segundo o companheiro de equipe Nico Hülkenberg, não está na situação ideal, mas já mostrou grande desenvolvimento em relação ao passado.

"Ainda é cedo pra dizer. O motor ainda não cresceu tanto, mas definitivamente melhorou. Sobre o chassi, eu estava preocupando antes de pilotar o carro porque sofreu um pouco com zebras. É uma área que precisa de melhora, mas não está muito longe. Pelo que soa, está bem melhor que o ano passado, segundo o Nico [Hülkenberg]", declarou.
Daniel Ricciardo (Foto: Renault)
A próxima etapa acontece em oito dias, na China, prova que foi vencida por Ricciardo em 2018 quando era piloto da Red Bull. O australiano entregou que a equipe trará atualizações para o carro nesta etapa e nas próximas do Mundial.
 
"Teremos algumas atualizações e desenvolvimentos. Uma provavelmente aparecerá na China e a outra nas próximas corridas. Isso vai ajudar o carro a se aproximar dos rivais", completou Ricciardo.