Ricciardo vai encarar Alpine “ironicamente muito forte” após deixar equipe, diz ex-chefe

Daniel Ricciardo se muda para a McLaren após deixar uma Renault ainda mais forte - e, agora, vai ter de encarar o produto de sua qualidade nas pistas da Fórmula 1

Daniel Ricciardo se muda para a McLaren em 2021, e isso após dois anos lutando para melhorar a Renault (agora, Alpine) – e conseguindo, aliás, no entendimento da equipe.

Para Cyril Abiteboul, chefe da Alpine, vai ser irônico Ricciardo ter de enxergar tal evolução de longe, agora vestindo o laranja da McLaren.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Abiteboul e Ricciardo, agora, percorrem caminhos separados (Foto: Renault)

“Ele entregou coisas positivas, e a ironia de tudo isso é que acredito que somos uma equipe muito mais forte agora, e ele terá de correr contra um time muito mais forte em 2021”, disse Abiteboul, em entrevista ao site oficial da Fórmula 1.

“Mas também estamos felizes em vê-lo em uma equipe forte, ansiosos por uma batalha animada contra a McLaren e Daniel”, completou.

O dirigente também assumiu que nem ele, nem Ricciardo, esperavam tal evolução quando assinaram o acordo, ainda em 2018: “Sendo franco, quando ele chegou esperávamos que fosse demorar um tempo.”

“Lembro dele falar exatamente isso em nossa primeira reunião: não éramos uma equipe pronta. Mas ele nos impactou e, agora, somos diferentes de dois anos atrás.”

“Ele nos deu muito. Como piloto, foi incrível em 2020. Acho que não há dúvida do quanto melhoramos. E muito do crédito é de Daniel, que liderou essa equipe junto a um grupo de mecânicos e engenheiros que fizeram trabalho incrível. Ele foi peça-chave nas mudanças que fizemos após uma temporada desapontadora”, concluiu Abiteboul.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube