Sainz lamenta erro em volta rápida no Q3. 8º, Norris vê evolução da McLaren

A McLaren conseguiu colocar os dois carros no top-10 do grid de largada para o GP da Espanha. Enquanto Sainz não saiu tão satisfeito da sessão, Norris comemorou avanços no carro após os treinos livres

A McLaren voltou a colocar seus dois pilotos no Q3. Em Barcelona, Carlos Sainz Jr. e Lando Norris formam a quarta fila do grid, em sétimo e oitavo, respectivamente. Apesar do resultado, os sentimentos foram mistos após o treino classificatório.

Carlos Sainz, o sétimo no grid, lamentou não pegar a volta limpa no fim da classificação e ainda fez previsões para a corrida deste domingo (16).

“Não foi uma volta limpa. Quer dizer, foi limpa nos dois primeiros setores, mas talvez tenha pagado o preço no último setor quando fui rápido e os pneus não gostam da pressão colocada neles”, disse o espanhol.

Lando Norris ficou feliz com a oitava colocação no grid de largada em Barcelona (Foto: McLaren)

Acho que a Racing Point estava fora de alcance hoje, mas amanhã eles não vão ter os modos de motor que a Mercedes possui, então podemos pressioná-los. A Renault também está forte e a Ferrari parece ter bom ritmo para a corrida”, completou.

Lando Norris ficou um pouco mais feliz, apesar de ter travado os pneus na curva 10 e ter ficado apenas em oitavo, atrás do companheiro de time.

“Estou bem feliz. Depois dos treinos de ontem eu não estava esperando avançar para o Q3. Como é possível notar, estamos muito próximos. Mostramos algumas melhoras que nos fizeram extrair o melhor do carro”, declarou o britânico que pilota o carro #4.

GRANDE PRÊMIO acompanha AO VIVO e em TEMPO REAL todo o fim de semana do GP da Espanha de F1.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube