SporTV transmite GP da Hungria ao vivo neste domingo, enquanto Globo exibe visita do Papa

A emissora global optou por transmitir a visita do Papa Francisco ao Brasil durante a Jornada Mundial da Juventude. Apesar disso, a F1 será exibida ao vivo pelo canal pago SporTV

Os fãs da F1 não vão ficar órfãos de corridas neste fim de semana, mesmo com a passagem do Papa Francisco pelo Brasil. Enquanto a Rede Globo decidiu não passar o GP da Hungria devido à cobertura da Jornada Mundial da Juventude, caberá ao SporTV, emissora da televisão fechada de propriedade das Organizações Globo, a transmissão da prova húngara.

O GRANDE PRÊMIO apurou que a corrida será transmitida ao vivo às 9h da manhã deste domingo (28), da mesma forma que acontece na televisão aberta. A prova, entretanto, não terá a presença de Rubens Barrichello no grid-walk, já que o brasileiro está nos EUA para competir na etapa da Grand-Am em Indianápolis.

O GP da Hungria será transmitido pelo SporTV (Foto: McLaren)

Essa não é a primeira vez que a emissora deixa de passar uma corrida devido à visita papal. Em 2007, a Globo interrompeu o GP da Espanha para exibir uma missa celebrada pelo Papa Bento 16, que estava em visita ao Brasil.

Neste ano, outra corrida que também foi deixada de lado pela emissora carioca foi o GP da Canadá. Na ocasião, a transmissão da prova foi interrompida para que o amistoso entre as seleções de futebol de Brasil e França fosse levado aos telespectadores.

GRANDE PRÊMIO acompanha ‘in loco’ o GP da Hungria, direto do circuito de Hungaroring neste final de semana, com o repórter Renan do Couto. Acompanhe o noticiário completo aqui.

Red Bull Ring fecha acordo com Ecclestone e volta à F1 em 2014
Jacques Villeneuve relembra carreira e critica momento da Williams

Quer andar de Nascar com Christian Fittipaldi em Orlando? CLIQUE 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube