Verstappen desiste de correr em Le Mans devido a conflito de datas com GP da Europa no novo calendário da F1 para 2016

Jos Verstappen queria disputar as 24 Horas de Le Mans na classe LMP2 na temporada 2016, porém coloca a carreira do filho em primeiro lugar e, por isso, não vai abrir mão da viagem ao Azerbaijão

Os planos de Jos Verstappen para disputar as 24 Horas de Le Mans em 2016 foram por água abaixo quando a FIA divulgou o novo calendário da F1 para o ano que vem. A coincidência entre a prova francesa e o GP da Europa, no Azerbaijão, fizeram com que o holandês desistisse. Ambos os eventos vão acontecer em 19 de junho.

Não é nem que Jos tenha uma participação tão ativa assim nos trabalhos do filho Max, de 18 anos, com a Toro Rosso. Mas, além de não querer perder as corridas do filho, também quer estar lá caso de alguma forma sua ajuda seja necessária. Ou para comemorar algum resultado positivo.

Max Verstappen experimenta carro do filho Max em Austin neste sábado (Foto: Toro Rosso)

Jos disputaria Le Mans na classe LMP2 junto dos também holandeses Jan Lammers e Frits van Eerd. "Quando eu descobri que Le Mans era no mesmo fim de semana de Baku, cancelei. Prefiro estar nas corridas de F1. Não é que eu tenho muita coisa para fazer, mas às vezes eu acho que o Max precisa de ajuda, e a carreira dele é mais importante do que a minha. Até porque eu nem tenho mais uma carreira", afirmou em entrevista à publicação norte-americana 'Motorsport'.

 

"Vai haver um momento no futuro em que vou perder uma corrida, mas, no momento, há muitas coisas pequenas em que eu ajudo Max. Se ele fizesse em Baku uma corrida como em Austin, também, eu ficaria bem irritado por ter perdido. As circunstâncias da classificação na manhã do domingo e a corrida, foi fantástico. Gosto mais do que quando eu mesmo estou correndo", falou a respeito do quarto lugar do novato no GP dos Estados Unidos.

Diante disso, a volta de Jos às pistas fica para 2017, caso as 24 Horas de Le Mans não coincidam uma vez mais com alguma etapa do Mundial de F1.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube