Vettel critica excesso de politicagem na F1 e diz que “falamos como advogados”

Sebastian Vettel deu sua opinião sobre a atual fase da Fórmula 1. O alemão da Ferrari afirmou que a categoria tem apresentado um excesso de politicagem, algumas vezes exagerando em algumas punições desnecessárias

Sebastian Vettel decidiu dar sua visão pessoal sobre a atual forma da Fórmula 1. O alemão não poupou as críticas à categoria, dizendo que muitas das decisões têm sido baseadas no excesso de politicagem.
 
O titular da Ferrari foi vítima de uma punição que tirou a vitória de suas mãos. No GP do Canadá, a FIA indicou que fez um lance perigoso para cima de Lewis Hamilton, e após receber um acréscimo de 5s, viu o triunfo ficar com o adversário inglês.
 
Ao ser questionado pela ‘BBC’ se alguns pilotos poderiam ir muito longe caso não houvesse regras na F1, o tetracampeão afirmou que “na versão resumida, se olhar para o passado havia muita coisa dura, sim.”
Sebastian Vettel (Foto: AFP)

“Às vezes era tolerado, mas às vezes, não. Agora, é difícil dizer ‘vamos voltar com tudo’. Porque acredito que existem coisas que sabemos melhor. Mas devem nos deixar fazer nossas coisas”, apontou.
 

“Algum dia seremos capazes de criar o mundo perfeito de corrida? Não, não seremos. Seremos capazes de impedir que alguém seja bloqueado durante a classificação? Não, é impossível. Meu ponto é que dois incidentes não vão ser exatamente o mesmo”, reconheceu.
 
“Então é claro que temos algumas guias. Temos guias crescendo e jogamos com isso. Não estamos crescendo como adolescentes rebeldes batendo uns nos outros. Há regras e limites, o que é justo, e se alguém os ultrapassa precisa ser penalizado”, seguiu.
 
“Mas o que estamos fazendo agora parece excesso de politicagem. E chamar coisas de perigosas quando não são perigosas apenas para punir um piloto. As palavras que usamos parece muito como advogados do que pessoas. Ninguém fala assim”, concluiu.
 

Paddockast #24
A BATALHA: Indy x MotoGP

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube