Vettel revela que Ferrari sequer fez oferta para renovação de contrato

Sebastian Vettel admitiu que ficou surpreso quando foi informado por Mattia Binotto de que a Ferrari não desejava continuar a relação entre eles

O divórcio entre Sebastian Vettel e Ferrari não está tão bem explicado quanto parecia. Nesta quinta-feira (2), o piloto alemão afirmou que sequer recebeu uma proposta para seguir com a escuderia na Fórmula 1 e admitiu que ficou surpreso ao ser comunicado da opção da equipe.

Em maio deste ano, a Ferrari anunciou que Vettel deixará a equipe ao fim da temporada 2020. Inicialmente, porém, parecia que a opção tinha sido do tetracampeão.

Sebastian Vettel testou recentemente com a Ferrari em Mugello (Foto: Ferrari)
Paddockast #67 | Barrichello melhor que Schumacher?
Ouça também: PODCASTS APPLE | ANDROID | PLAYERFM

Falando à imprensa às vésperas do GP da Áustria, Vettel contou que “foi uma surpresa para mim quando recebi a ligação do Mattia [Binotto] dizendo que não havia mais a intenção do time de continuar; nunca entramos em discussões, nunca teve uma oferta na mesa e, portanto, não teve um ponto de discórdia”.

Ainda que sem muitos detalhes, Vettel também falou de alternativas para seguir na F1. “Quero ter certeza de que vou tomar a decisão certa para mim e para o meu futuro. Acho que tenho uma natureza muito competitiva, alcancei muita coisa no esporte, sou motivado e disposto a conquistar mais”, frisou, mas deixando claro que, “para fazer isso, preciso do pacote certo e das pessoas certas ao meu redor, então é isso que estou buscando no momento. Se a oportunidade certa aparecer, será esse o caminho”.

Por outro lado, o aniversariante desta sexta-feira (3), quando completará 33 anos, não se mostrou muito disposto a tirar um ano sabático. “Se não for o caso e as coisas não se encaixarem, então, como eu disse, provavelmente é a hora de fazer outra coisa”, disse o detentor de 53 vitórias em Grandes Prêmios, dando a entender que seria uma saída definitiva da F1.

Ele também não tem pressa: “Você tem de estar ciente da decisão que está tomando no momento e é por isso também que não estou apressando nada. As próximas semanas ou meses, provavelmente, trarão mais clareza”, encerrou.

A escuderia de Maranello já tinha renovado com Charles Leclerc até 2024. Após o anúncio da saída de Vettel, a Ferrari contratou Carlos Sainz Jr., que atualmente defende a McLaren.

Chefe da Ferrari fala em decisão difícil

Também no Red Bull Ring, Binotto não escapou das perguntas sobre a saída de Vettel, mas foi menos detalhista do que o alemão.

“Foi difícil e, certamente, não foi uma decisão fácil de tomar”, disse Binotto à emissora Sky Italia. “Seb é um grande campeão e um piloto forte que nós também apreciamos como pessoa”, elogiou.

“Dito isto, teremos mais meio ano juntos e será bom compartilhar esses momentos com ele. As pessoas na Ferrari o apreciam e amam, assim como nós”, encerrou.

O GRANDE PRÊMIO transmite em tempo real todas as atividades do fim de semana do GP da Áustria de F1.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO? Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.
Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.
Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube