Webber voa no fim e lidera terceiro treino livre atípico em Montreal. Massa termina em oitavo

A sessão, que durou apenas meia hora, teve um desfecho bastante empolgante, com várias trocas de posição. Mark Webber aproveitou a pista mais seca no fim das atividades desta manhã e ficou com o primeiro tempo, com 1min17s895

O terceiro treino livre do GP do Canadá de F1, neste sábado (8), foi bastante atípico. A sessão teve apenas meia hora, fruto de um acidente ocorrido um pouco antes, durante uma etapa do Ferrari Challenge, categoria-suporte neste fim de semana, que acabou danificando o guard-rail na saída da curva 11, obrigando a direção de prova a realizar os reparos para garantir a segurança dos competidores. Com tempo reduzido, os pilotos ainda tiveram de enfrentar uma traiçoeira pista encharcada, mas que acabou secando no fim. Mark Webber aproveitou, conquistou uma bela volta e anotou 1min17s895, liderando o último treino antes da definição do grid de largada.

Adrian Sutil foi o segundo colocado, seguido por Lewis Hamilton. Fernando Alonso terminou em quarto, logo à frente de Sebastian Vettel. Nico Rosberg concluiu a sessão em sexto, sendo escoltado de perto por Paul di Resta, que voltou a andar bem neste fim de semana. Felipe Massa, mesmo em oitavo, voltou a mostrar bom desempenho, chegando a liderar o treino em diversas oportunidades. Jenson Button e Kimi Räikkönen completam o rol dos dez primeiros no treino bastante incomum no Canadá.
A cobertura completa do GP do Canadá no GRANDE PRÊMIO
AMK Viagens lança pacote especial para GP da Itália em Monza
As imagens da sexta-feira da F1 em Montreal
Automobilismo na TV: a programação do fim de semana

Mark Webber liderou o segundo treino em Montreal (Foto: Mark Thompson/Getty Images)

Saiba como foi o terceiro treino livre do GP do Canadá 

A sessão começou bastante atípica. Pouco antes do início do terceiro treino livre do GP do Canadá de F1, um acidente durante uma etapa do Ferrari Challenge, evento-suporte da principal categoria do automobilismo mundial, obrigou a direção de prova a adiar a abertura da sessão para realizar reparos no guard-rail da saída da curva 11, seriamente danificado por conta do forte impacto.

O adiamento prejudicou o cronograma da F1, mas apenas para o terceiro treino livre. A sessão teve de ser encurtada e passou a ter duração de apenas 30 minutos, com início previsto para 11h30 (hora de Brasília). A definição do grid de largada, no entanto, continua inalterada quanto ao seu horário e terá início às 14h.

A pista continuava bastante encharcada por conta das fortes chuvas durante a noite na bela cidade canadense. Por isso, o treino foi retomado com o asfalto oficialmente declarado como molhado. Assim, o uso do DRS ficou vetado até que as condições da pista melhorassem significativamente. O treino, desta forma, acabou se tornando pouco produtivo para os pilotos.

Fernando Alonso, Felipe Massa, Nico Rosberg, Jean-Éric Vergne, Daniel Ricciardo, Jules Bianchi e Max Chilton foram à pista com pneus para chuva intensa. O restante optou pelos intermediários para o começo daquela sessão, que teve Giedo van der Garde registrando a primeira volta cronometrada do dia, com 1min30s873.

Aos pilotos, restava acumular quilometragem e completar o máximo de voltas possível para abrir um trilho seco e proporcionar uma queda significativa nos tempos. Não demorou muito para que a pista melhorasse sua condição, possibilitando à direção de prova autorizar a abertura do DRS. Assim, os tempos de volta começavam a cair de maneira constante.

Restando 20 minutos para o fim da sessão, a liderança era de Valtteri Bottas, com 1min24s314. O treino era tão atípico que a Williams fazia dobradinha e tinha Pastor Maldonado em segundo. Àquela altura, apenas nove dos 22 pilotos do grid já haviam completado volta rápida em Montreal. Pouco depois, foi a vez de Nico Hülkenberg assumir a liderança da sessão, mas apenas por alguns segundos.

Isso porque Massa, em sua primeira volta rápida, já pulou para a ponta. O brasileiro anotou 1min23s492, 0s541 mais rápido que o alemão da Sauber. Só que outra Sauber, a de Esteban Gutiérrez, completou um stint de dez voltas, anotou, em sua última passagem, 1min23s112, superou Felipe e colocou seu nome no topo da tabela de tempos quando faltavam 12 minutos para o fim.

O tráfego na pista no fim do treino foi mais intenso, já que vários pilotos deixaram os boxes usando pneus para pista seca, a maioria deles com os supermacios. Assim, era questão de tempo para que a marca estabelecida por Gutiérrez fosse destruída. Massa logo voltou à ponta ao registrar 1min22s482. Mas o brasileiro não durou muito tempo na dianteira e foi superado, na sequência, por Räikkönen, Ricciardo, Maldonado e Button, que anotou 1min20s520.

O treino ganhou muita ação no final, com uma boa alternância de líderes. Massa voltou à liderança da sessão em Montreal com 1min19s750. Só que o piloto da Ferrari perdeu sua posição em seguida. Já com o cronômetro zerado, Adrian Sutil assinalou o melhor tempo, mas foi superado logo depois por Mark Webber, que posicionou a Red Bull na ponta do último (e atípico) treino livre em Montreal.

F1, GP do Canadá, Montreal, treino livre 3:
1 Mark WEBBER AUS Red Bull Renault   1:17.895   7
2 Adrian SUTIL ALE Force India Mercedes   1:18.248 +0.353 8
3 Lewis HAMILTON ING Mercedes   1:18.732 +0.837 7
4 Fernando ALONSO ESP Ferrari   1:18.977 +1.082 10
5 Sebastian VETTEL ALE Red Bull Renault   1:19.131 +1.236 6
6 Nico ROSBERG ALE Mercedes   1:19.457 +1.562 7
7 Paul DI RESTA ESC Force India Mercedes   1:19.496 +1.601 6
8 Felipe MASSA BRA Ferrari   1:19.750 +1.855 9
9 Jenson BUTTON ING McLaren Mercedes   1:19.790 +1.895 9
10 Kimi RÄIKKÖNEN FIN Lotus Renault   1:20.316 +2.421 8
11 Romain GROSJEAN FRA Lotus Renault   1:20.596 +2.701 9
12 Pastor MALDONADO VEN Williams Renault   1:21.035 +3.140 12
13 Daniel RICCIARDO AUS Toro Rosso Ferrari   1:21.364 +3.469 7
14 Max CHILTON ING Marussia Cosworth   1:21.652 +3.757 9
15 Nico HÜLKENBERG ALE Sauber Ferrari   1:22.021 +4.126 14
16 Esteban GUTIÉRREZ MEX Sauber Ferrari   1:22.720 +4.825 15
17 Jean-Éric VERGNE FRA Toro Rosso Ferrari   1:23.058 +5.163 7
18 Giedo VAN DER GARDE HOL Caterham Renault   1:23.132 +5.237 14
19 Sergio PÉREZ MEX McLaren Mercedes   1:23.309 +5.414 8
  TEMPO 107% TL3     1:23.348 +5.453  
20 Charles PIC FRA Caterham Renault   1:23.620 +5.725 12
21 Valtteri BOTTAS FIN Williams Renault   1:24.314 +6.419 12
22 Jules BIANCHI FRA Marussia Cosworth   1:26.195 +8.300 9
               
REC Ralf SCHUMACHER ALE Williams BMW FW26   1:12.275 12/06/2004  
MV Rubens BARRICHELLO BRA Ferrari F2004   1:13.622 13/06/2004  
               
  Condições do tempo                                                            NUBLADO   ar: 15ºC | pista: 15ºC  
  Pneu supermacio                                     Pneu médio        

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube