Williams duvida de Ocon como “piloto de equipe” e analisa outras opções para F1 2025

Em meio às especulações no mercado de pilotos, o nome do #31 foi ligado a Haas, Mercedes, Sauber e Williams, mas também ganhou as manchetes pelo acidente em Mônaco envolvendo seu companheiro na Alpine, Pierre Gasly

Os últimos acontecimentos envolvendo Esteban Ocon na Fórmula 1 diminuíram o interesse da Williams em contar com o piloto a partir de 2025. De acordo com o site alemão Motorport-total, o chefe da equipe britânica, James Vowles, retirou o francês da lista de prioridades para guiar o carro britânico na próxima temporada, pois não acredita que ele seja o nome ideal para formar dupla com o anglo-tailandês Alexander Albon. A Williams não vê Ocon como um “piloto de equipe” e, por isso, está explorando outras opções para o lugar de Logan Sargeant.

Em meio às especulações no mercado de pilotos, o nome do #31 foi ligado a Haas, Mercedes, Sauber e Williams nas últimas semanas. Contudo, Ocon ganhou destaque negativo durante o GP de Mônaco ao se envolver em um acidente com Pierre Gasly, seu companheiro na Alpine. A equipe francesa está enfrentando inúmeras dificuldades para pontuar na temporada 2024 e encontrou uma boa oportunidade durante a corrida monegasca, em que viu Gasly se classificar em décimo e Ocon em 11º. As chances da equipe, no entanto, quase foram jogadas no lixo após a primeira volta.

Na ocasião, o #31 forçou uma ultrapassagem sobre o #10 na entrada da curva Portier ainda na primeira volta. Com o contato, Ocon foi jogado para cima, danificou o carro com o impacto no chão e foi obrigado a abandonar a prova. Gasly, por sua vez, teve danos menos sérios e a Alpine foi capaz de repará-los durante a bandeira vermelha. Sem maiores problemas, o francês conseguiu manter a décima posição e somou seu primeiro ponto na temporada.

Quando a corrida foi paralisada, Bruno Famin, chefe do time de Enstone, estava furioso com o ocorrido, classificou o acidente como “inapropriado” e garantiu publicamente que Ocon vai sofrer as consequências de seu ato.

As Alpine se acharam ainda na primeira volta em Mônaco (Vídeo: DAZN)

De acordo com a Sky Sports britânica, a equipe francesa considera seriamente deixar o piloto francês de fora do GP do Canadá, próxima etapa da categoria.

No passado, o piloto francês também teve desentendimentos públicos com Sergio Pérez, na extinta Force India, e Fernando Alonso, já na Alpine.

Fórmula 1 retorna de 7 a 9 de junho com o GP do Canadá, nona etapa da temporada 2024.

:seta_para_frente: Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
:seta_para_frente: Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

Chamada Chefão GP Chamada Chefão GP 🏁 O GRANDE PRÊMIO agora está no Comunidades WhatsApp. Clique aqui para participar e receber as notícias da Fórmula 1 direto no seu celular! Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.