Alpine põe Ocon na berlinda após batida em Gasly e cogita tirá-lo do GP do Canadá

Bruno Famin, chefe da Alpine, definiu o acidente entre os companheiro de equipe como algo inadmissível. De acordo com a emissora britânica Sky Sports, o #31 pode desfalcar o time no GP do Canadá

Esteban Ocon se envolveu em um acidente com o companheiro Pierre Gasly na primeira volta do GP de Mônaco e o chefe da Alpine, Bruno Famin, prometeu que a atitude do piloto #31 terá consequências. E de acordo com a Sky Sports britânica, a equipe francesa considera seriamente deixar o piloto francês de fora do GP do Canadá, próxima etapa da Fórmula 1.

A Alpine está enfrentando inúmeras dificuldades para pontuar na temporada 2024 e encontrou uma boa oportunidade durante o GP de Mônaco, em que viu Gasly se classificar em décimo e Ocon em 11º. As chances da equipe, no entanto, quase foram jogadas no lixo após a primeira volta. Na ocasião, o #31 forçou uma ultrapassagem sobre o #10 na entrada da curva Portier ainda na primeira volta.

Com o contato, Ocon foi jogado para cima, danificou o carro com o impacto no chão e foi obrigado a abandonar. Gasly, por sua vez, teve danos menos sérios e a Alpine foi capaz de repará-los durante a bandeira vermelha. Sem maiores problemas, o francês conseguiu manter a décima posição e somou seu primeiro ponto na temporada.

Quando a corrida foi paralisada, Famin estava furioso com o ocorrido, classificou o acidente como “inapropriado” e garantiu publicamente que Ocon vai sofrer as consequências de seu ato. Após o mandatário externar sua frustração, a emissora britânica flagrou o dirigente conversando com Jack Doohan, piloto reserva da Alpine.

As Alpine se acharam ainda na primeira volta em Mônaco (Vídeo: DAZN)

Esteban Ocon e Pierre Gasly possuem uma rivalidade antiga e já se encontraram algumas vezes na pista. Ainda de acordo com a Sky Sports, a difícil decisão do chefe da equipe é uma forma de mostrar que os pilotos precisam de disciplina e não podem ser imprudentes quando disputam posições entre si.

Após abandonar o GP de Mônaco, Ocon reconheceu o erro e pediu desculpas publicamente à Alpine utilizando seu perfil na rede social X. A direção de provas definiu que Esteban seria punido em 10s caso tivesse seguido na corrida no principado. Mas incapaz de continuar, a penalização foi convertida para a perda de cinco posições no grid da próxima corrida que participar — neste caso, o GP do Canadá.

Mas caso Famin realmente tenha a intenção de excluir Ocon da corrida no Circuito Gilles Villeneuve, o piloto francês pagará a punição na corrida seguinte, que será realizada na Espanha.

Fórmula 1 retorna de 7 a 9 de junho com o GP do Canadá, nona etapa da temporada 2024.

:seta_para_frente: Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
:seta_para_frente:Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

Chamada Chefão GP Chamada Chefão GP 🏁 O GRANDE PRÊMIO agora está no Comunidades WhatsApp. Clique aqui para participar e receber as notícias da Fórmula 1 direto no seu celular! Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.