Masters de F3 em Zandvoort será disputado em 2013 após aprovação do Conselho Mundial, diz revista

A tradicional corrida holandesa vai acontecer em 2013 depois que o Conselho Mundial da FIA decidiu permitir que as equipes da F3 Europeia participem do evento mesmo comm uma etapa do certame marcada para setembro

O tradicional Masters de F3 em Zandvoort será disputado em 2013. Segundo a revista inglesa ‘Autosport’, o Conselho Mundial da FIA concordou em flexibilizar o regulamento que impede pilotos e equipes da F3 Europeia de correr e treinar em pistas que recebam uma etapa do calendário do certame.

Com isso, a prova em Zandvoort está confirmada para o dia 7 de julho, mesmo que a F3 corra no traçado holandês no fim do mês de setembro. No mesmo fim de semana, também haverá uma etapa do GT Series, que concordou em antecipar a etapa holandesa.

Daniel Juncadella venceu o Masters de F3 em Zandvoort em 2012 (Foto: F3 Europeia)

Esse não foi o único impedimento para a realização da corrida. A prova estava originalmente marcada para o dia 14 de julho, mas o cancelamento do GP de Nova Jersey da F1 e a troca de data do GP da Alemanha forçaram os organizadores do DTM a colocarem a corrida de Norisring nessa data.

Como a F3 Europeia faz a preliminar do DTM, ela também foi obrigada a correr no dia 14, fazendo com que o Masters de 2013 fosse colocado em dúvida. Apesar disso, a organização da corrida holandesa – em acordo com os promotores do GT Series – conseguiu antecipar o evento em uma semana para que as equipes da F3 pudessem estar presentes na competição.

Entretanto, isso ainda não garantia a presença delas, já que o regulamento da categoria impede os pilotos e equipes de treinarem em pistas que ainda vão receber o certame. Essa medida, porém, não vale mais para Zandvoort conforme decidiu o Conselho Mundial. No ano passado, a vitória no Masters de F3 ficou com Daniel Juncadella.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube