Guia F-E 2015/16: e.dams

Campeã por muito, a e.dams sobrou um consistência dos dois pilotos e do carro para ser a primeira campeã da história da F-E. O título de Pilotos, no entanto, escapou por um ponto. É a aresta a aparar

Sede: Ruaudin, França
Trem de força: Renault Z.E.15
Principais dirigentes: Jean-Paul Driot e Alain Prost – co-fundadores
Em 2014/15: Campeã – 232 pontos
A e.dams sobrou no que diz respeito a pontos com consistência na temporada inicial. No que diz respeito aos pilotos, a qualidade é difícil de discutir. Sébastien Buemi, nos dias inspirados, é o mais rápido do grid; Nicolas Prost, extremamente consistente e com raros (bem raros) grandes momentos. Se algo precisa ser repreendido no time pelo primeiro ano, é o ritmo de corrida nas mais travadas pistas do campeonato.
 
A campeã segue com a parceria da Renault – até aumentada agora – e ganha uma rival de grid equipada pela grande desafiadora entre as montadoras francesas, a Citroën. O trem de força foi desenvolvido, claro, pela Renault direto da fábrica de Viry-Châtillon. E se alguma montadora tem expertise na F-E, é a Renault, envolvida desde o início.
Sébastien Buemi passou muito perto de ser o campeão (Foto: Reprodução/Twitter)
Nascimento: 31 de outubro de 1988 em Aigle, Suíça
Na F-E: 11 ePs (3 vitórias, 3 poles e 5 pódios)
Na primeira temporada: 2º (143 pontos)
Na carreira : 15º na F1 (2011), Campeão do Mundial de Endurance (2014) e vice-campeão da F3 Euro (2007)

#9 – SÉBASTIEN BUEMI

O título da temporada 2014 escapou por muito pouco de Sébastien Buemi. Tivesse superado Bruno Senna em Londres, o suíço teria fechado o ano em primeiro e roubado o caneco de Nelsinho Piquet. Ficou claro, porém, que Buemi é muito talentoso e que deve ser um postulante fortíssimo ao título do segundo ano da categoria elétrica.
 

Com desempenho excelente na conturbada pré-temporada da categoria, Buemi é a principal força da e.Dams e, fatalmente, deve aumentar bem seu cartel de vitórias, poles e pódios na F-E

Nicolas Prost (Foto: F-E)
Nascimento: 18 de agosto de 1981 em Saint-Chamond, França
Na F-E: 11 ePs (1 vitórias, 2 poles e 2 pódios)
Na primeira temporada: 6º (88 pontos)
Na carreira : Vencedor das 24 Horas de Le Mans na classe LMP1 (2014); 4º no Mundial de Endurance (2012); 3º na F3 Espanha (2007)

#8 – NICOLAS PROST

Nicolas Prost não teve lá um grande desempenho na temporada inaugural da F-E. Envolvido em polêmica por ter acertado Nick Heidfeld na volta final em Pequim, o francês pouco fez no campeonato, especialmente quando comparado ao que atingiu o companheiro Sébastien Buemi.
 
Com a promessa de ter o melhor carro do grid, Prost precisa evoluir e pensar primeiro em bater Buemi para, depois, sonhar com o título da categoria.
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube