Abt é desclassificado de segunda corrida em Hong Kong na inspeção técnica e Rosenqvist herda vitória

Mais de três horas depois do fim do eP de Hong Kong, Daniel Abt foi reprovado na inspeção técnica e perdeu aquela que seria sua primeira vitória na FE. Assim, Felix Rosenqvist ficou com o triunfo e Mitch Evans acabou promovido ao primeiro pódio da história da Jaguar na categoria

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

A segunda corrida do eP de Hong Kong teve seu resultado alterado mais de três horas depois de sua realização. Neste domingo (3), quando a noite já havia caído na pista asiática, a FE anunciou que Daniel Abt, o vencedor da prova, havia sido desclassificado na inspeção técnica e, assim, transformado Felix Rosenqvist no primeiro colocado.

A punição de Abt se deu por código de barras inválido no inversor e no motor de recuperação de energia, ou seja: o material que estava no carro do piloto alemão não correspondia ao que foi apresentado na inspeção da FIA de antes da prova.

Com a mudança no resultado, Abt perde os 25 pontos e, consequentemente, a liderança do campeonato, que agora volta às mãos de Sam Bird. Rosenqvist, por sua vez, sobe para terceiro na tabela, atrás de Bird e de Jean-Éric Vergne.

Daniel Abt perdeu a vitória no eP de Hong Kong (Foto: Audi)

Outra mudança importante com a desclassificação de Abt foi em relação ao pódio. Edoardo Mortara subiu um degrau e terminou em segundo, enquanto Mitch Evans foi promovido ao terceiro posto, conquistando o primeiro pódio da história da Jaguar na Fórmula E.

Vergne ficou com a quarta posição, seguido por Bird. Sébastien Buemi, assim, conseguiu ao menos salvar um pontinho após largar de último, atrás de Oliver Turvey, Maro Engel, Nicolas Prost e Alex Lynn, todos também devidamente promovidos na classificação final com a exclusão do alemão da Audi.

Confira abaixo a nova classificação final da corrida e, na sequência, a nova classificação do campeonato

FE, eP de Hong Kong 2, Classificação final:

1 FELIX ROSENQVIST SUE MAHINDRA 45 voltas  
2 EDOARDO MORTARA SUI VENTURI +7.031  
3 MITCH EVANS NZL JAGUAR +10.619  
4 JEAN-ÉRIC VERGNE FRA TECHEETAH +12.593  
5 SAM BIRD ING VIRGIN DS +12.879  
6 OLIVER TURVEY ING NIO +14.199  
7 MARO ENGEL ALE VENTURI +15.676  
8 NICOLAS PROST FRA RENAULT +18.905  
9 ALEX LYNN ING VIRGIN DS +19.025  
10 SÉBASTIEN BUEMI SUI RENAULT +22.139  
11 ANTÓNIO FÉLIX DA COSTA POR ANDRETTI +23.359  
12 NELSINHO PIQUET BRA JAGUAR +27.904  
13 ANDRÉ LOTTERER ALE TECHEETAH +28.591  
14 LUCAS DI GRASSI BRA AUDI ABT +39.137  
15 JÉRÔME D'AMBROSIO BEL DRAGON +55.189  
16 NICK HEIDFELD ALE MAHINDRA +1 volta  
17 KAMUI KOBAYASHI JAP ANDRETTI +1 volta  
18 NEEL JANI SUI DRAGON +1 volta  
19 LUCA FILIPPI ITA NIO +9 voltas NC
20 DANIEL ABT ALE AUDI ABT   DSQ

Classificação do campeonato após duas corridas:

1 SAM BIRD ING VIRGIN DS 1 35
2 JEAN-ÉRIC VERGNE FRA TECHEETAH 1 33
3 FELIX ROSENQVIST SUE MAHINDRA 1 1 29
4 EDOARDO MORTARA SUI VENTURI 24
5 MITCH EVANS NZL JAGUAR 15
6 NICK HEIDFELD ALE MAHINDRA 15
7 NELSINHO PIQUET BRA JAGUAR 12
8 DANIEL ABT ALE AUDI ABT 11
9 ANTÓNIO FÉLIX DA COSTA POR ANDRETTI 8
10 OLIVER TURVEY ING NIO 8
11 MARO ENGEL ALE VENTURI 6
12 NICOLAS PROST FRA RENAULT 6
13 ALEX LYNN ING VIRGIN DS 6
14 SÉBASTIEN BUEMI SUI RENAULT 1
15 LUCA FILIPPI ITA NIO 1
16 ANDRÉ LOTTERER ALE TECHEETAH 0
17 LUCAS DI GRASSI BRA AUDI ABT 0
18 KAMUI KOBAYASHI JAP ANDRETTI 0
19 JÉRÔME D'AMBROSIO BEL DRAGON 0
20 NEEL JANI SUI DRAGON 0

 

FIM DE UMA GERAÇÃO

GIAFFONE: “BRASIL TEVE SORTE POR TER PILOTOS POR TANTO TEMPO NA F1”

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height:
0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute;
top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube