Fórmula E anuncia três traçados diferentes para ‘Maratona de Berlim’ no Tempelhof

Duas semanas antes da sequência de seis provas que encerrará a temporada da Fórmula E em Berlim, a categoria divulgou as três versões de traçado que utilizará

A Fórmula E está a algumas semanas de voltar, após quase cinco meses de interrupção causada pela pandemia do novo coronavírus, e encerrar a temporada 2019/20. As seis provas serão realizadas em três desenhos de pista diferentes no Aeroporto de Tempelhof.

O campeonato terá três rodadas duplas em agosto: dias 5 e 6, 8 e 12 e 13. A primeira delas será realizada na versão invertida do traçado original; este, o desenho onde normalmente os carros andam no Tempelhof, fica para a segunda dobradinha; já a corrida final será numa versão modificada, com mais curvas e, ao menos visualmente, mais travado.

O traçado inverso da primeira rodada dupla de Berlim (Foto: Fórmula E)

Apesar do anúncio e da proximidade, entretanto, todas as versões estão sujeitas à homologação da FIA.

A escolha pelo Tempelhof é facil de explicar: é a única das pistas europeias da Fórmula E que não fica no centro urbano. O aeroporto desativo atualmente serve quase como um parque cultural ao lado da capital alemã.

O traçado original será usado para a segunda rodada dupla em Berlim (Foto: Fórmula E)

Foi a saída da Fórmula E para terminar a temporada que já contava com cinco etapas. Depois disso, novamente uma longa pausa: o campeonato 2020/21 começará somente em janeiro do ano que vem.

Quem chegará a Berlim como líder do campeonato é António Félix da Costa, com 67 pontos contra 56 de Mitch Evans, 46 de Alexander Sims, 44 de Maximilian Günther e 38 de Lucas Di Grassi de Stoffel Vandoorne.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube