Fórmula E exige “estabilidade” para voltar a correr na Índia: “Serve para todas”

Após sofrer com o cancelamento do eP de Hyderabad, que aconteceria neste fim de semana, Jeff Dodds — CEO da Fórmula E — assegurou que o interesse de voltar a correr na Índia ainda existe por parte da categoria, mas exigiu maior estabilidade na região

O próximo fim de semana segue um hiato de mais de um mês no calendário da Fórmula E, que só voltará a correr no eP de São Paulo, no dia 16 de março. No entanto, o período sem atividades foi algo forçado à categoria, já que o eP de Hyderabad deveria ser disputado nos próximos dias — mas o caos político da região causou o cancelamento da etapa.

CEO da Fórmula E, Jeff Dodds garantiu que o interesse de correr na Índia futuramente continua, mas destacou que a realização de uma corrida só será possível em um cenário de maior estabilidade na região. Para ele, ter uma corrida posta em dúvida pouco antes de acontecer é algo que pode manchar a imagem do campeonato.

“Adoraria voltar a correr na Índia no futuro, mas acho que isso depende de uma decisão estável”, disse Dodds ao portal inglês Motorsport. “Esqueça a Índia por um segundo: [isso serve para] qualquer corrida”, explicou

“Não quero que o calendário esteja em perigo, em uma posição na qual até o último minuto ainda se tenha dúvidas sobre a realização ou não de uma corrida”, afirmou.

O eP de Hyderabad estreou em 2023 e foi cancelado no início de 2024 (Foto: Twitter/DHL)

Segundo Dodds, é muito importante que a Fórmula E consiga ter um calendário estável, pois saber onde e quando as corridas vão acontecer é algo vital para o público da categoria. Só assim, de acordo com ele, será possível criar uma base de fãs fiel.

“A estabilidade do calendário é algo incrivelmente importante para a categoria, para construir uma base de fãs. Eles querem saber onde e quando as corridas vão acontecer, e é aí que você consegue construir essa sequência, uma fase positiva de crescimento para o esporte”, pontuou.

“Eu adoraria voltar a correr na Índia, mas com uma vaga estável no calendário que nos permita criar essa fase”, ressaltou.

O eP de Hyderabad não sustentou o caos político da região e caiu (Foto: Fórmula E)

Dodds não acredita, porém, que o cancelamento tenha afetado de forma significativa a imagem da Fórmula E. O CEO pontuou que a categoria não poderia interferir no assunto, e a proximidade do cancelamento tornou inviável a busca por uma reposição para a mesma data.

“Espero que não tenha danificado a marca [do campeonato] e acho que a maioria das pessoas que noticiaram ou comentaram sobre isso entendem a complexidade daquela corrida e os motivos do cancelamento. Eles sabem que não havia muito o que pudéssemos fazer sobre isso”, analisou.

Em relação às equipes, porém, o CEO da Fórmula E acredita que o dano foi maior. Companhias presentes na categoria viam a etapa indiana como a ‘corrida de casa’, como a Mahindra, marca fundada na Índia, e a Jaguar — propriedade da indiana Tata Motors. Este ano, o grid ainda conta com Jehan Daruvala, piloto nascido no país e que defende a Maserati.

Em sua única realização, o eP de Hyderabad teve vitória de Jean-Èric Vergne (Foto: Fórmula E)

“Por outro lado, acho que o que foi feito é muito danoso para as equipes, as fornecedoras e os parceiros que investiram na região. A Mahindra é uma equipe de corrida, temos também a Jaguar — da Tata Motors, uma grande parceira de lá. Há um piloto indiano agora [Daruvala], então, temos muitas companhias com laços estreitos com a Índia”, finalizou o CEO.

Fórmula E retorna agora entre os dias 15 e 16 de março, com o eP de São Paulo, que terá cobertura ‘in loco‘ do GRANDE PRÊMIO. O GP é emissora oficial da Fórmula E no Brasil e transmite todas as atividades de pista AO VIVO e COM IMAGENS no YouTube e no Kwai.

Compre aqui os ingressos do eP de São Paulo 2024 da Fórmula E com o cupom GRANDEPREMIO10.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

🏁 O GRANDE PRÊMIO agora está no Comunidades WhatsApp. Clique aqui para participar e receber as notícias da Formula E direto no seu celular! Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra, Escanteio SP e Teleguiado.