GP às 10: O que a Fórmula E pode ensinar à Fórmula 1 sobre correr em Mônaco?

Fórmula E e Fórmula 1: só uma delas consegue realizar boas corridas em Mônaco. Vitor Fazio aproveita o GP às 10 para apontar as disparidades entre os dois certames no Principado

A corrida da Fórmula 1 em Mônaco foi chata, ao contrário da realizada pela Fórmula E no mesmo traçado. É sempre difícil comparar as duas categorias, mas Vitor Fazio aproveita o momento para apontar aprendizados deixados pela categoria elétrica no GP às 10 noturno desta quarta-feira (26).

De acordo com o jornalista, a F1 sofre com carros muito longos e pouco robustos. Com características opostas, a FE conseguiu promover disputas em quase todas as curvas do Principado, mantendo disputa pela vitória até as últimas curvas.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar