Lynn capota, vai para hospital e faz direção de prova encerrar corrida 2 em Diriyah

O inglês se envolveu em uma forte batida na curva 18 com outros três pilotos. Em comunicado, a Mahindra informou que o competidor está consciente

Alex Lynn sofreu um assustador acidente na corrida 2 da Fórmula E na Arábia Saudita. Neste sábado (27), nos minutos finais da disputa em Diriyah, o competidor se envolveu em uma batida com outros pilotos e acabou capotando, precisando ser levado ao hospital.

Quando restavam pouco mais de 2 minutos para o encerramento da prova, houve um incidente na curva 18 envolvendo quatro competidores. Foram eles Maximiliam Günther, Tom Blomqvist e Mitch Evans, além de Alex.

Por conta do ocorrido, uma bandeira vermelha interrompeu a disputa e na sequência, a direção de prova informou o encerramento sem a bandeira quadriculada. Com isso, quem ficou com a vitória foi Sam Bird, seguido Robin Frinjs e Jean-Éric Vergne.

Lynn capota em acidente na corrida 2 da Fórmula E na Arábia Saudita

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Logo após acabar a corrida, surgiram as informações de que Lynn havia sido levado ao hospital para exames. Até o momento, a transmissão não havia divulgado as imagens do acidente, vistas depois por um vídeo nas redes sociais.

Quem trouxe a primeira atualização sobre o estado do piloto foi Lucas Di Grassi. Em seu perfil no Twitter, o brasileiro escreveu “uma corrida doida, muitas punições, não tenho certeza de onde terminei. O mais importante é que Alex está bem após o grande acidente. Duas batidas fortes hoje com Edoardo [Mortara] e Alex”.

Mais tarde, a Mahindra também se manifestou e afirmou que o britânico está “consciente, conversando e no caminho do hospital para fazer os exames”.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube