De Vries confirma favoritismo em Diriyah e leva primeira pole do ano na FE

Nyck de Vries liderou os dois treinos livres, a primeira fase da classificação e a segunda. O holandês mostrou velocidade inesperada e conseguiu a posição de honra no grid com sobras

Não é sempre que a boa forma dos treinos livres se converte em velocidade no treino classificatório. Ainda mais na Fórmula E. Só que Nyck de Vries, que veio favorito, conseguiu confirmar expectativas: o holandês foi o mais rápido nesta sexta-feira (26), conseguindo incríveis 0s6 de vantagem sobre o segundo mais rápido.

Pascal Wehrlein foi o adversário mais perigoso e terminou com o segundo lugar no grid. O alemão superou René Rast por pouco, garantindo primeira fila. Edoardo Mortara, Alexander Lynn e Mitch Evans completaram o grupo de pilotos na superpole, ocupando o top-6.

Nyck de Vries liderou todas as sessões até aqui (Foto: Mercedes)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

A surpresa da classificação foi, sem dúvidas, a Techeetah. Só que pelos motivos errados: a equipe que ensaiou dominar o campeonato nos últimos dois anos teve dificuldades extremas na primeira fase da classificação. António Félix da Costa e Jean-Éric Vergne largam respectivamente em 18° e 19°.

Os brasileiros não fizeram trabalho muito melhor. Lucas Di Grassi foi outro prejudicado pela pista pouco aderente do primeiro grupo, o que significa largar em 16° no primeiro eP do ano. Sérgio Sette Câmara, que tinha chances boas de conseguir pelo menos o pelotão médio, errou e bateu de leve, precisando agora largar em 23°.

GUIA DA FE 2021
➠ Fichas: equipes e pilotos
➠ Em ano crucial, Di Grassi e Sette Câmara são coadjuvantes
➠ Da Costa e DS Techeetah dominam. Alguém tem resposta?
➠ Saídas de Audi e BMW machucam, mas não matam FE
➠ Com regulamento igual, calendário vira grande novidade

Saiba como foi a classificação do eP de Diriyah 1

Grupo 1: Da Costa, Vandoorne, Vergne, Buemi, Rowland, Di Grassi

Com a divisão de grupos definida pela classificação final da temporada 2019/20, os protagonistas começaram já condenados à pista mais suja. Como de hábito, seria difícil superar a inevitável evolução do asfalto para alcançar a superpole.

Outra coisa que não mudou foi a espera do sexteto pelo momento ideal para ir à pista, todos juntos. Mas uma coisa havia de ser diferente: a Nissan liderou com Oliver Rowland, e não mais a Techeetah com António Félix da Costa. O britânico fez 1min09s362, já superando os tempos vistos nos treinos livres.

Stoffel Vandoorne, Lucas Di Grassi e Sébastien Buemi vieram atrás, consideravelmente mais lentos. A Techeetah decepcionou demais, surgindo em quinto e sexto com Da Costa e Jean-Éric Vergne.

Pascal Wehrlein larga em segundo (Foto: Fórmula E)

Grupo 2: Evans, Lotterer, Günther, Bird, De Vries, Frijns

O segundo grupo confirmou a teoria de que a pista evoluiria rapidamente. Nyck de Vries, que mandou muito bem nos dois treinos livres, não decepcionou na classificação: o holandês foi nada menos do que 0s576 mais rápido do que Rowland. O agora ex-líder tinha de prender a respiração, porque claramente não tinha um tempo tão mágico assim.

Mitch Evans, André Lotterer, Sam Bird e Maximilian Günther passaram a completar o top-5, deixando Rowland na última vaga da superpole. O britânico só não saiu da zona de classificação porque Robin Frijns, que bateu no TL2, nem foi para a pista.

Grupo 3: Sims, Mortara, Rast, Lynn, Wehrlein, Turvey

Será que a evolução de pista bastaria para colocar pilotos de equipes medianas na superpole? O sexteto veio para a pista e, tão logo parciais começaram a aparecer, ficou claro que a tabela de tempos voltaria a mudar drasticamente.

Para começo de conversa, Mortara foi apenas 0s012 pior que De Vries, ficando em segundo. Wehrlein, 0s099 pior que o líder, tomou o terceiro lugar. Rast e Lynn também se encaixar em quarto e quinto, com Evans passando a ser o piloto imediatamente acima da linha de corte.

Grupo 4: Müller, Blomqvist, Dennis, Sette Câmara, Cassidy, Nato

O último grupo teve abordagem diferente e foi para a pista tão rápido quanto possível, ainda andando em grupo.

Apesar das equipes menores, os pilotos foram lá e fizeram grande trabalho. Especialmente Nico Müller, que conseguiu um ótimo quinto tempo com a Dragon. Nick Cassidy também conseguiu a superpole, surgindo em sexto.

Sérgio Sette Câmara, por sua vez, errou feio. O brasileiro travou pneus na última curva e bateu de leve na barreira de pneus, ficando preso em 23° no grid de largada.

Quer dizer, era para ser assim. Três pilotos acabaram punidos por ignorar bandeiras amarelas no acidente de Sette Câmara. Pouco antes da superpole, Nick Cassidy, Nico Müller e Tom Blomqvist tiveram tempos deletados. Os dois primeiros perderam vagas na superpole, abrindo caminho para Evans e Lynn.

Superpole: De Vries, Mortara, Wehrlein, Rast, Evans, Lynn

Lynn foi o primeiro na pista, e com um tempo de volta bom. O britânico fez 1min09s345, tempo que não viria a ser superado por Evans no giro seguinte.

Só que ainda era difícil acreditar em pole. Rast deixou claro o motivo: o alemão conseguiu 1min08s869, derrotando Lynn por 0s476. E aí veio Wehrlein, sendo mais rápido que os dois com 1min08s821.

Nada disso importou muito quando De Vries decidiu pisar fundo. O holandês cravou uma volta próxima da perfeição, derrotando Wehrlein por 0s664.

FE 2020/21, eP de Diriyah 1, grid de largada:

1N DE VRIESMercedes1:08.157
2P WEHRLEINPorsche1:08.821+0.664
3R RASTAudi1:08.869+0.712
4E MORTARAVenturi Mercedes1:09.317+1.160
5A LYNNMahindra1:09.345+1.188
6M EVANSJaguar1:09.706+1.549
7A LOTTERERPorsche1:09.157+1.000
8S BIRDJaguar1:09.265+1.108
9M GÜNTHERBMW1:09.277+1.120
10O ROWLANDNissan1:09.362+1.205
11A SIMSMahindra1:09.559+1.402
12N NATOVenturi Mercedes1:09.628+1.471
13O TURVEYNIO1:09.631+1.474
14J DENNISBMW1:09.723+1.566
15S VANDOORNEMercedes1:10.128+1.971
16L DI GRASSIAudi1:10.474+2.317
17S BUEMINissan1:10.594+2.437
18A.F DA COSTADS Techeetah1:10.735+2.578
19J.E VERGNEDS Techeetah1:10.804+2.647
20N CASSIDYVirgin Audi1:22.020+13.863
21T BLOMQVISTNIO1:23.165+15.008
22N MÜLLERDragon Penske1:24.955+16.798
23S. SETTE CÂMARADragon Penske
24R FRIJNSVirgin Audi

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube