Indy

Alonso faz pior volta na classificação das 500 Milhas de Indianápolis e culpa pneu furado por “furacão”

Fernando Alonso fez uma péssima primeira volta na classificação das 500 Milhas de Indianápolis e, até Sage Karam aparecer e dar um toque no muro, ficou com a pior marca

Grande Prêmio / GABRIEL CARVALHO, de Campinas
A primeira participação de Fernando Alonso em Indianápolis no treino classificatório da Indy 500 foi desastrosa. O espanhol da McLaren registrou uma média de 225.113 Mp/h, ficando atrás de Ben Hanley, um dos favoritos a eliminação no ‘Bump Day’, que acontece no domingo. 

O bicampeão mundial de Fórmula 1 justificou o desempenho ruim na classificação por conta de um pneu furado. Ele revelou que não esperava tanta competitividade do carro, mas que não aguardava o "furacão" de problemas nos últimos dias, incluindo um acidente na quarta-feira.
O pneu furado na McLaren de Alonso (Foto: Reprodução)
"Descobrimos agora que o nosso pneu traseiro direito estava furado, acho que isso explica os problemas que tivemos. Não somos ultra competitivos em ritmo normal, mas tivemos esses problemas. Não era nossa intenção esse furacão que tivemos. Vamos tentar voltar de novo e evitar o Last Six", disse Alonso à ‘NBCSN’ após sair do carro.

O pneu furado de Alonso causou uma bandeira amarela e a interrupção da sessão para a checagem de possíveis detritos na pista. O espanhol pode voltar ao oval ainda neste sábado para evitar a participação no Bump Day junto de outros cinco carros.
 


 
Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.