Daly surpreende Newgarden e lidera TL2 do GP de Gateway. Dixon é 6º

Conor Daly apareceu no final e tirou Josef Newgarden da dianteira no segundo treino livre do GP de Gateway. Os demais candidatos ao título voltaram a decepcionar e Scott Dixon foi o melhor deles, em sexto. Charlie Kimball, parceiro de Daly, encerrou a sessão um pouco mais cedo no muro

Josef Newgarden parece estar controlando o final de semana da Indy em Gateway do jeito que quer. Assim como no TL1, o americano não fez qualquer esforço para ficar com a dianteira do TL2 na parte final e, assim, fechou a sexta-feira (23) atrás de um surpreendente Conor Daly, que virou 24s735.

Newgarden, que parte da pole na corrida, ficou tranquilo com o segundo lugar, seguido por outra figura bem surpreendente: Zach Veach, da Andretti. Takuma Sato voltou a andar forte e fechou em quarto.

As Ganassi deram uma esperança para a corrida ao renderem melhor que na classificação. Felix Rosenqvist foi um pouquinho melhor que Scott Dixon e fechou o grupo dos cinco mais velozes.

Simon Pagenaud e Alexander Rossi, os outros dois candidatos ao título além de Newgarden e Dixon, foram parecidos com o neozelandês e entraram no top-10 na frente de Santino Ferrucci e Ryan Hunter-Reay. Tony Kanaan foi 12º e Matheus Leist ficou em 21º.

Conor Daly liderou o TL2 (Foto: Indycar)
Saiba como foi o TL2 em Gateway
 

O segundo treino livre da Indy em Gateway, já realizado de noite, em condições parecidas com a corrida de amanhã, começou pontualmente às 22h15 (em Brasília) e foi de intensa simulação de corrida desde os primeiros minutos.

 
Prova disso é que as melhores marcas durante grande parte da sessão ficaram sendo as registradas bem no comecinho, com Zach Veach liderando com 24s857 e sendo seguido por Conor Daly.
 
A verdade é que as mudanças nas posições eram bem discretas e aconteciam mais para o pelotão intermediário, com Veach, Daly, Felix Rosenqvist, Scott Dixon e Simon Pagenaud mantendo frente. Em 16º perto da metade da hora de treino, Josef Newgarden quase não ficava na pista.
 
O americano, então, resolveu voltar e, sem forçar muito, se colocou em 11º, acompanhado de Alexander Rossi e Marcus Ericsson. Tony Kanaan, tentando ver se a Foyt reagia, ia para oitavo. 
 

Enquanto Santino Ferrucci brigava com o carro e quase ia parar no muro, Newgarden resolvia acabar com a brincadeira, virando 24s819 e tirando finalmente Veach da liderança.

Chegaram os minutos finais e, assim como no TL1, quando Newgarden deixou a pista de lado, foi superado. Sato encostou, mas quem passou mesmo foi Daly, virando 24s735. E aí foi fim de papo porque a outra Carlin também aprontou, mas no sentido ruim da coisa: Charlie Kimball deu no muro saindo da curva 4.

Indy 2019, GP de Gateway, TL2:

1 C DALY Carlin Chevrolet 24.735   68
2 J NEWGARDEN Penske Chevrolet 24.819 +0.084 55
3 Z VEACH Andretti Honda 24.857 +0.122 68
4 T SATO RLL Honda 24.869 +0.134 71
5 F ROSENQVIST Ganassi Honda 24.889 +0.154 66
6 S DIXON Ganassi Honda 24.920 +0.185 53
7 S PAGENAUD Penske Chevrolet 24.922 +0.187 69
8 A ROSSI Andretti Honda 24.925 +0.190 57
9 S FERRUCCI Dale Coyne Honda 24.936 +0.201 54
10 R HUNTER-REAY Andretti Honda 24.984 +0.249 55
11 C HERTA Harding Honda 24.990 +0.255 68
12 T KANAAN Foyt Chevrolet 25.005 +0.270 46
13 M ERICSSON SPM Honda 25.049 +0.314 50
14 J HINCHCLIFFE SPM Honda 25.065 +0.330 59
15 S BOURDAIS Dale Coyne Honda 25.101 +0.366 75
16 G RAHAL RLL Honda 25.102 +0.367 66
17 M ANDRETTI Andretti Honda 25.124 +0.389 68
18 S PIGOT Carpenter Chevrolet 25.125 +0.390 76
19 W POWER Penske Chevrolet 25.169 +0.434 65
20 C KIMBALL Carlin Chevrolet 25.189 +0.454 66
21 M LEIST Foyt Chevrolet 25.357 +0.622 56
22 E CARPENTER Carpenter Chevrolet 25.440 +0.705 54
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube