Indy cria comitê para que equipes, pilotos e fabricantes possam opinar sobre futuro da categoria

O comitê terá reuniões periódicas onde os membros indicados possam debater sobre assuntos do interesse do campeonato, como mudanças no regulamento e iniciativas de segurança. Ele, porém, não terá poder de decisão

A Indy anunciou nesta terça-feira (12) a criação de um comitê competitivo, que terá como objetivo reunir representantes de diversos grupos ligados à categoria – como pilotos, equipes e fabricantes – para discutir periodicamente assuntos do interesse do campeonato, desde mudanças no regulamento, até especificações técnicas e iniciativas de segurança.

O comitê será composto por ao menos sete membros, dos quais dois serão indicados pelo presidente da categoria, Jeff Belskus, e já fazem parte da diretoria do campeonato – um deles ainda será eleito presidente do grupo. As equipes também terão direito a apontar dois representantes, do mesmo jeito que os pilotos. Chevrolet, Honda, Firestone e Dallara também terão participação nas discussões.

Belskus indicará três membros do comitê (Foto: Indianápolis Motor Speedway)

O último membro também será indicado por Belskus. Além disso, acionistas e parceiros, como promotores, donos de pista e emissoras televisivas também poderão ser convidados para tomar parte das reuniões. O comitê, no entanto, não terá poder de decisão. Ele apenas enviará recomendações, que serão analisadas pela direção da Indy.

Belskus afirmou que é importante haver um lugar em que todos os envolvidos na Indy possam opinar sobre o futuro da categoria. “Nós acreditamos que é importante criar um fórum para que pilotos, donos de equipe e fabricantes possam contribuir de forma organizada com a categoria, pois queremos tomar decisões importantes, que afetarão diretamente a competição dentro da pista”, declarou.

“A criação deste comitê cria um processo formal para propor iniciativas de segurança e competição. Assim que recebermos as recomendações do comitê, a categoria vai avalia-las de um ponto de vista comercial e de negócios, para chegar a uma decisão final”, acrescentou o dirigente, explicando o processo de tomada de decisão.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube