Indy tem pódio mais jovem da história no Alabama com O’Ward, Palou e VeeKay

O GP do Alabama no último domingo registrou o pódio com a menor média de idade da história da Fórmula Indy com 22,67 anos. Pato O'Ward, de 22 anos venceu, com Álex Palou, de 25, em segundo, e Rinus VeeKay, de 21, em terceiro.

Pato O’Ward ultrapassa Rinus VeeKay para vencer no Alabama (Vídeo: Indycar)

A Indy registrou no GP do Alabama, disputado no último domingo (1), seu pódio com a menor média de idade da história. O mexicano Pato O’Ward, de 22 anos, foi o grande vencedor, seguido pelo espanhol Álex Palou, que tem 25 anos, e o holandês Rinus VeeKay, de apenas 21 anos. Assim, a média de idade entre os três foi de 22,67 anos, ou 22 anos, 8 meses e 1 dia.

O recorde anterior era de 2007, quando o francês Sebastien Bourdais, de 28 anos, venceu o GP de Road America da Champ Car. Fecharam o pódio os jovens americanos Dan Clarke, de 23 anos, e Graham Rahal, de 18, resultando em uma média de 23 anos de idade.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Pato O’Ward comemora vitória no Alabama com a equipe da McLaren (Foto: Indycar)

LEIA MAIS: O’Ward dedica a Senna vitória no Alabama: “Ele significa muito para a McLaren”

No último domingo, VeeKay colocou a Carpenter na pole-position na classificação e liderou boa parte da corrida. Contudo, após a segunda rodada de pit stops, o holandês não conseguiu segurar a McLaren de O’Ward e a Ganassi de Palou, que haviam largado em segundo e terceiro, respectivamente. Esta foi a primeira vitória de Pato na temporada de 2022.

Álex é o atual campeão da categoria e, com o resultado em Barber, assumiu a liderança da temporada de 2022. A Indy retorna agora no dia 14 de maio, para o GP de Indianápolis 1, que será disputado no circuito misto do Brickyard.

INDY 2022: O QUE MUDA NA CLASSIFICAÇÃO DAS 500 MILHAS DE INDIANÁPOLIS DE 2022?
Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar