Newgarden brilha com ‘hat-trick de poles’. E está mais do que na hora de vencer

Josef Newgarden emendou três poles consecutivas e se firmou como piloto mais rápido da Indy nas últimas corridas. Só que chegou a hora do bicampeão combinar com o universo, pedir para que os astros se alinhem, para que finalmente vença uma prova e volte de vez ao páreo pelo título

Colton Herta escapa no TL1 (Vídeo: Indycar)

Com três poles seguidas, ninguém vive uma fase melhor do que Josef Newgarden na Indy, ao menos quando o tema é velocidade pura. Neste sábado (3), o americano levou a melhor em um duelo acirradíssimo com Colton Herta em Mid-Ohio, saindo com a vantagem por 0s003. Agora, porém, falta o mais importante: é hora de, urgentemente, vencer uma corrida. Só assim, o tricampeonato vai voltar a ser uma possibilidade concreta.

A maior missão de Newgarden para o domingo no circuito misto de Lexington parece ser ter uma boa conversa com o universo. É muito difícil explicar como a Penske ainda não tem vitória alguma em 2021, mas mais complicado ainda dizer os motivos para Josef estar zerado. Afinal, trata-se, no mínimo, de um dos três melhores pilotos da temporada e, definitivamente, da categoria como um todo.

A verdade é que, quando depende apenas dele, Newgarden é praticamente imparável e isso não vem só de hoje. O problema, por incrível que pareça, tem sido muito mais com a Penske. Josef já poderia ter três ou quatro triunfos no ano, mas, certamente, as derrotas mais sentidas aconteceram justamente nas duas últimas etapas, quando saía da pole.

Josef Newgarden é pole em Mid-Ohio (Foto: IndyCar)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!
Meyer Shank divulga pintura azul para carro de Castroneves no GP de Nashville

No GP de Detroit 2, uma estratégia inexplicável desde antes da largada, na escolha dos pneus, mas que foi piorando durante a corrida. É que os macios se deterioravam muito facilmente no calor da Belle Isle e a Penske resolveu pagar para ver, deixando Josef com os compostos vermelhos durante enorme trecho final. Não deu outra: Pato O’Ward passou nas voltas derradeiras e Newgarden só não despencou porque segurou com unhas e dentes a segunda posição.

Em Elkhart Lake, um castigo ainda mais pesado, de novo na hora da última relargada. Ali, não foi a Penske, foi simplesmente um azar monumental. A vitória parecia na mão, mas o câmbio quebrou e o americano fez as duas voltas finais quase que no piloto automático e em ritmo de tartaruga. O primeiro virou 21º lugar, um golpe gigantesco pensando no campeonato, especialmente porque Álex Palou foi quem herdou o triunfo.

A grande questão para Newgarden é justamente essa. Nos dois campeonatos que conquistou, o americano até teve seus momentos brilhantes, mas se notabilizou muito mais por aproveitar as chances que tinha. Em 2021, por mais que venha desempenhando ótimo papel, simplesmente não vem tendo resultado. Assim, já está mais do que na hora do ganhar ou ganhar.

Newgarden se transformou no terceiro piloto a encaixar três poles seguidas desde a fusão de IRL e CART, em 2008, mas isso pouco importa agora. Para o domingo, todo cuidado com um velocíssimo Herta é justo. Não dá para brincar com Will Power, com Alexander Rossi, Palou ou Scott Dixon, claro, o rei de Mid-Ohio. Mas, muito mais do que isso, Josef precisa mesmo é lidar com os próprios fantasmas, garantir que nada possa estragar mais uma grande atuação.

88 pontos abaixo de Palou, Newgarden e a Penske não podem mais sonhar em tropeçar. O tricampeonato ainda é uma possibilidade e, definitivamente, velocidade no carro e talento no piloto não faltam. Chegou mesmo a hora de acertar as contas com os astros, para que eles alinhem e tudo corra finalmente bem.

GP às 10: Mid-Ohio vira última chance para entrar no bonde do título
Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar