Na montanha-russa da Indy 2021, Newgarden e Palou sobem, O’Ward cai e Dixon despenca

A Indy 2021 segue com os candidatos ao título embarcando na montanha-russa e aumentando o grau de imprevisibilidade do campeonato. A classificação em Elkhart Lake teve a escalada de Josef Newgarden, a redenção de Álex Palou, a queda total de Scott Dixon e Pato O'Ward, agora líder, tendo problemas

O sábado (19) da Indy em Elkhart Lake foi de mais uma edição da montanha-russa que tanto marca a disputa da temporada 2021 até aqui. No fim das contas, o tipo de repetição que todo fã da categoria gosta: a repetição da confusão. Na montanha-russa da Indy 2021, afinal, ninguém nunca fica muito tempo no topo.

O que mudou, porém, foram os personagens. Ou melhor, o que aconteceu com cada um dos protagonistas da briga de foice no escuro que é a temporada atual. Se antes era Álex Palou quem vinha na liderança e começava a tropeçar, foi a vez de Pato O’Ward escorregar quando ocupava a primeira colocação do campeonato

É óbvio que o mexicano ainda tem a longa corrida pela frente, é uma pista que propicia diversas disputas e ultrapassagens, mas o primeiro ato de O’Ward como líder do campeonato foi assim e não dá mais para mudar. Em décimo no grid, Pato se coloca em posição vulnerável, sob o risco de confusões desde a largada e, mais uma vez, vai precisar correr com a faca entre os dentes, algo que não é o mais comum para quem vem na frente no campeonato.

Pato O’Ward pode perder a liderança do campeonato (Foto: IndyCar)

Curiosamente, foi dia da completa inversão de papeis em relação ao que vinha acontecendo nas últimas semanas. É que Álex Palou era quem liderava e vinha, etapa após etapa, tropicando e dando sinais de que não se aguentaria por ali. O’Ward era um dos que pareciam monstros, crescendo cada vez mais no retrovisor do catalão. Só que agora a pedra virou vidraça.

Sem a pressão de ter de defender a ponta, Palou já pareceu outro piloto na definição do grid em Road America. Agora, ainda que numericamente esteja atrás de O’Ward na tabela de pontos, larga cinco posições na frente do rival na corrida, com boas possibilidades de reassumir a ponta no campeonato.

Enquanto O’Ward vai lembrando Palou e Palou vai lembrando O’Ward, Josef Newgarden tenta aproveitar a troca intensa de posições para entrar no bolo de vez. Nada melhor, então, que uma pole dominante. Agora falta a principal parte: finalmente vencer uma corrida em 2021, algo que a Penske ainda não fez.

Josef Newgarden precisa vencer rapidamente (Foto: IndyCar)

É a segunda pole consecutiva de Newgarden que, definitivamente, vive mais um bom ano na Indy. Resta saber se a Penske vai saber vencer a corrida. Nas últimas semanas, a impressão que ficou é que o desespero por um triunfo fez a maior das equipes do grid ter uma espécie de pane e forçar além da conta na estratégia. É fazer o simples que leva neste domingo.

Se Newgarden sobe e Palou e O’Ward vão brincando de elevador, Scott Dixon parece ter entrado em modo queda livre. Depois da pole na Indy 500 e de uma enorme falta de sorte ao ficar sem combustível durante uma amarela, o neozelandês parece incrivelmente fora dos eixos. Em Detroit, duas corridas tímidas fora do top-5. Em Elkhart Lake, início pouco promissor e 13º lugar no grid.

Dixon é Dixon e imaginar uma recuperação na corrida deste domingo é quase um dever para todo mundo, mas o cenário é preocupante. Por mais genial que seja o neozelandês, perder contato com o pelotão da frente do campeonato poderia ser fatal lá na frente.

Em resumo, o GP de Elkhart Lake promete entregar mais um show de entretenimento na Indy 2021. É Newgarden e Penske precisando vencer, Palou e O’Ward no ponto a ponto da liderança, Dixon em busca de uma reação necessária. Tudo isso na pista que é chamada de Spa-Francorchamps americana. Promete e muito.

A largada do GP de Elkhart Lake deste domingo está prevista para 13h40 (em Brasília).

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!
Meyer Shank divulga pintura azul para carro de Castroneves no GP de Nashville

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar