Newgarden valoriza grande início de ano, mas deixa claro que “vencer a Indy 500 significaria o mundo para mim”

Josef Newgarden vive o melhor início de temporada da carreira, mas tem foco total em buscar a primeira vitória na Indy 500. O americano colocou diversos fatores no pacote para considerar um possível triunfo como o ápice

Josef Newgarden vive um começo de campeonato fortíssimo com a Penske na Indy. Só que teve um cenário parecido em 2018 e viu as coisas fugirem do controle na maratona que começou no GP de Indianápolis. Em 2019, quer manter a boa forma e, principalmente, buscar a sonhada vitória nas 500 Milhas de Indianápolis. 
 
Campeão da Indy e em grande forma, Newgarden admite que a vitória na Indy 500 é um objetivo gigante. O americano lembrou ainda a pressão que tem para buscar o feito com a principal força do grid, a Penske.
 
"Uma vitória na Indy 500 significaria o mundo para mim por vários motivos. É a maior corrida do mundo e algo que assisto desde criança. Guiar pela Penske significa ainda mais, sabemos o que a Indy 500 é para o Roger e isso aumenta a pressão. Começamos bem a temporada, o momento é ótimo para termos um ótimo maio, mas a Indy 500 que escolhe seu vencedor. Precisamos trabalhar duro para estarmos em posição de brigar pela vitória nas voltas finais", disse ao site britânico 'The Checkered Flag'.
Josef Newgarden quer a vitória na Indy 500 mais do que tudo (Foto: IndyCar)

Josef sabe que ainda não teve uma grande performance com a Penske na maior prova do calendário. Por isso, aprendeu com os erros e com os acertos de Will Power, que triunfou em 2018.

 
"Estudamos muito o que deu errado nas edições anteriores. Também vi de perto o sucesso do Will ano passado com a equipe. Em 2018, estava muito difícil ultrapassar e, mesmo com um ritmo bom, não achávamos a posição ideal para brigar. Estou confiante na estratégia, no retrospecto da Penske, sei que temos condições", seguiu.
 
O americano valorizou o trabalho que a Penske tem feito desde as férias na preparação do carro e a vitória que buscou logo em St. Pete.
 
"A equipe tem se preparado forte desde a pré-temporada. Começar vencendo em St. Pete mostrou que o esforço valeu a pena. Nos deu confiança também para todo o restante da temporada. Já tivemos algumas faltas de sorte, mas o time sempre esteve pronto para reagir e conseguimos posições finais sólidas", completou.
 

 
Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar