Vice-líder no campeonato, Hunter-Reay afirma que não ficou chateado com 22ª posição no grid em Fontana

17 pontos atrás de Will Power na tabela de classificação, Ryan Hunter-Reay não foi bem no treino classificatório em Fontana e, punido em dez colocações, vai largar apenas na 22ª colocação

Assim como Will Power e outros 12 pilotos, Ryan Hunter-Reay também foi punido em dez posições no grid de largada e vai largar apenas na 22ª colocação. O resultado ficou ainda pior por conta da posição do principal concorrente ao título, Power, que conquistou a 13ª colocação. Mesmo com todos os fatores pesando contra, o piloto da Andretti não se mostrou chateado com a posição no oval de Fontana.

"Não foi uma grande qualificação para nós, mas é uma corrida de 500 milhas, então eu realmente não estou chateado com isso. Nós apenas não fomos bem o suficiente”, explicou o segundo colocado no campeonato. “Perdemos o equilíbrio, o carro decolou um pouco e foi definitivamente difícil colocar duas voltas boas”.

Hunter-Reay espera recuperar posições durante o GP de Fontana (Foto: IndyCar/LAT USA)

Já que o resultado do classificatório não foi tão bom, Hunter-Reay foca na corrida e no trabalho para acertar o carro. “Estamos focando a corrida. Não fizemos nenhuma simulação de classificação no treino livre, portanto não foi algo em que perdemos tempo. Vamos trabalhar durante a noite para garantir um bom ritmo e colocar os quatro carros da Andretti lá na frente”, finalizou.

O piloto tem 17 pontos a menos que Power, mas tem uma vitória a mais na temporada – quatro contra três do piloto da Penske.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube