Após ‘dia de fúria’ no kart, Corberi se diz envergonhado e anuncia aposentadoria

A sequência de incidentes causados por Luca Corberi no Mundial de Kart em Lonato, na Itália, desencadearam uma investigação da FIA e também um surpreendente anúncio do piloto de que está abandonando o automobilismo

No último domingo (4), Luca Corberi protagonizou cenas insólitas durante uma etapa do Mundial de Kart em Lonato, em Itália, marcando o fim de semana do esporte a motor. O dia seguinte foi de carta nas redes sociais e o anúncio do fim da carreira.

Durante a corrida, o kartista de 23 anos jogou um pedaço de carro no rival Paolo Ippolito após abandonar. Após a prova, Corberi agrediu fisicamente o adversário nos boxes, inclusive com ajuda do pai, o derrubando no meio de outros karts estacionados. A Federação Internacional de Automobilismo (FIA) anunciou uma investigação do que chamou de “cenas perturbadoras”.

Em uma publicação no Facebook, nesta segunda-feira (5), o italiano pediu desculpas pelos atos cometidos em Lonato e anunciou que está abandonando o automobilismo de maneira imediata. Coberi diz que chegou a pedir para os comissários desportivos tirarem sua licença e mas decidiu deixar não apenas o kart, mas o esporte a motor.

Confira abaixo a declaração na íntegra:

“Gostaria de pedir desculpas à comunidade do automobilismo pelo que fiz. Não há desculpas para explicar por que fiz um ato tão vergonhoso. Isso é algo que nunca fiz em meus 15 anos de carreira, e eu realmente espero que não seja visto por ninguém no futuro.

Depois da corrida, assim que fui chamado pelos juízes desportivos, pedi a eles que tirassem a minha licença porque tinha plena consciência dos meus erros irreparáveis, mas eles me mostraram que não têm poder para fazer porque está escrito nas regras internacionais. Então, por favor, não fiquem contra eles, eles estavam apenas fazendo seu trabalho da melhor maneira que podiam.

Por isso, decidi não participar de nenhuma outra competição de automobilismo pelo resto da minha vida. Isso não é uma justiça própria, é simplesmente a coisa certa a fazer.

Minha família está no kart desde 1985, vimos isso crescer, vimos o melhor e o pior. Este episódio será lembrado como um dos piores do nosso esporte, e isso é algo que nunca vou esquecer.

Não estou pedindo misericórdia, porque não mereço. Vou concordar totalmente com as punições exigidas. Estou escrevendo hoje para pedir desculpas, mesmo que não seja suficiente, porque depois de todas as coisas ruins que aconteceram durante esse evento, o pior já foi feito por mim, um cara que ama esse esporte e, depois do pior dia de sua vida, ainda vai se lembrar de boas coisas no esporte.”

Peça da frente do kart foi arremessada por Luca Corberi (Foto: Reprodução)

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube