Vídeo: Spinelli e Haddad enfrentam problemas na etapa Maratona e deixam luta pelo título do Rali dos Sertões

Com um problema na polia da bomba d’água na especial entre Três Lagoas e Euclides da Cunha Paulista, a dupla da Mitsubishi Petrobras abandonou a luta pelo título. Mas João Franciosi e Rafael Capoani seguem firmes rumo ao triunfo na Protótipos T1

Etapa 5 (etapa Maratona)
Três Lagoas (MS) a Euclides da Cunha Paulista (SP)
Deslocamento inicial: 142,06 km
Trecho cronometrado: 291,16 km
Deslocamento final: 154,04 km
Percurso total: 343,67 km

A quinta etapa da 23ª edição do Rali dos Sertões, na última quinta-feira (6), representou o adeus de Guilherme Spinelli e Youssef Haddad ao sonho do título em 2015. No início do trecho cronometrado de 291,16 km entre Três Lagoas, no Mato Grosso do Sul, e Euclides da Cunha Paulista, em São Paulo, a dupla da Mitsubishi Petrobras enfrentou um problema na polia da bomba d’água do Mitsubishi ASX Racing.

Spinelli e Haddad deixaram a luta pelo título do Sertões 2015 (Foto: Vinícius Branca/Mitsubishi)

Como se tratou da primeira perna da etapa Maratona, os competidores não podem contar com o auxílio das equipes de apoio. Assim, não houve o que fazer, a não ser abandonar a especial de quinta-feira. Desta forma, terminaram as chances de Guiga e Youssef validar mais um título no Rali dos Sertões.

Por outro lado, João Franciosi e Rafael Capoani seguem firmes rumo ao título do Rali dos Sertões na classe Protótipos T1, destinada aos veículos nacionais. A dupla, que leva o Mitsubishi L200 Triton SR rumo a Foz do Iguaçu, não enfrentou problemas e pode levar a Mitsubishi Petrobras a mais uma conquista no maior rali do Brasil.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube