80 pontos à frente de Fenati, Mir tem primeira chance de conquistar título no GP do Japão. Confira a matemática da Moto3

Com 80 pontos de vantagem na liderança da Moto3, Joan Mir tem neste fim de semana sua primeira chance de conquistar o título de 2017. Para sair de Motegi campeão, o espanhol da Kiefer não pode perder mais de cinco pontos para Romano Fenati

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Dono de uma temporada praticamente impecável, Joan Mir vai ter neste domingo (15) sua primeira chance de conquistar o título da Moto3. Com 80 pontos de vantagem na classificação, o espanhol precisa apenas se preocupar em marcar Romano Fenati, o segundo na tabela.
 
Na reta final da temporada, Mir pode sair de Motegi campeão se não perder mais de cinco pontos em relação a Fenati. Assim, nem mesmo uma vitória do italiano seria capaz de, sozinha, adiar a conquista do #36.

Caso Fenati suba ao topo do pódio na etapa japonesa, Mir precisa apenas do segundo lugar; Se o #5 for segundo, Joan pode se conformar com o terceiro posto; se Fenati chegar em terceiro, Mir precisa ser quinto; caso Fenati seja quarto, Mir precisa terminar em oitavo; se Fenati for quinto, Mir tem de chegar no top-10; se Fenati for sexto, Mir será campeão com um 11º lugar; se Fenati for sétimo, Mir ganha sendo 12º; se Fenati for oitavo, Mir precisa ser 13º.

Joan Mir pode conquistar o título da Moto3 já nesta sexta-feira (Foto: Kiefer)

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Há outras combinações que envolvem também Arón Canet. Se Mir ficar com a 15ª colocação, será campeão caso Fenati termine abaixo do nono lugar e Aron Canet não vença a corrida; em último caso, Mir fecha o campeonato mesmo sem marcar pontos caso Fenati fique fora do top-10 e Canet não vença. E, por fim, se Mir vencer ou encerrar a disputa no top-14 sendo à frente do italiano, o título de 2017 vai para as mãos do titular da Kiefer de forma antecipada.
 
Ainda matematicamente vivo na disputa, Canet tem uma tarefa consideravelmente mais difícil para, pelo menos, atrasar a conquista do rival. São, afinal, 98 pontos a menos que Mir. O piloto da Estrella Galicia 0,0 só pode vencer e torcer para um dia ruim de Mir para poder seguir sonhando com o campeonato.
 
Dono de oito vitórias na temporada, Mir fez uma única visita ao traçado do distrito de Kanto com o Mundial e recebeu a bandeirada apenas na nona colocação. Fenati, por sua vez, vai para seu quinto GP do Japão, tendo como melhor resultado um quinto lugar em 2013. Canet correu em Motegi no ano passado, mas não completou a prova.
’EXTRAORDINÁRIO’

DI GRASSI VÊ HAMILTON COMO UM DOS TRÊS MAIORES DA HISTÓRIA

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height:
0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute;
top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube