Às vésperas de sequência de três GPs, Lorenzo sofre queda em sessão de treino e lesiona ligamentos do ombro esquerdo

Às vésperas dos GPs do Japão, da Austrália e da Malásia, Jorge Lorenzo se acidentou em uma sessão de treinos e lesionou os ligamentos do ombro esquerdo. Espanhol tem 14 pontos de atraso para Valentino Rossi na classificação do Mundial de MotoGP

A cobertura completa do GP do Japão no GRANDE PRÊMIO

Jorge Lorenzo encontrou um novo rival na luta pelo título de 2015 da MotoGP: o ombro esquerdo. De acordo com a imprensa espanhola, o piloto da Yamaha sofreu uma queda durante uma sessão de treinos no último sábado (3) e se machucou.
 
Segundo o site espanhol ‘Motocuatro’, Lorenzo foi a um hospital em Barcelona logo após o acidente, onde passou por uma radiografia para avaliar a extensão da lesão. Apesar da dor intensa, não foram detectadas fraturas, mas Jorge sofreu uma lesão nos ligamentos do ombro esquerdo.
Jorge Lorenzo lesionou o ombro esquerdo em um acidente durante um treino (Foto: Yamaha)
Ainda de acordo com a publicação, a assessoria de imprensa do espanhol confirmou que a lesão “não é grave” e garantiu que Lorenzo estará no GP do Japão, em Motegi, no próximo fim de semana. A etapa nipônica é a primeira de uma sequência de três provas consecutivas, que conta ainda com Austrália e Malásia. 
 
 O espanhol embarcou para Tóquio neste domingo, com o braço esquerdo imobilizado por uma tipoia. Ainda assim, a equipe do piloto de Palma de Mallorca assegura que se trata de “uma medida preventiva, para que ele possa descansar o braço em uma viagem tão longa”.
 
 
O líder do Mundial, Rossi também sofreu uma queda recente, durante um testes com os pneus que a Michelin está desenvolvendo para a temporada 2016 da MotoGP, mas escapou sem maiores lesões, apenas com braço direito esfolado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube