Binder é submetido a cirurgia para tratar fratura no braço esquerdo e fica fora do GP das Américas de Moto2

Brad Binder foi operado nesta quinta-feira (13) para tratar uma fratura no braço esquerdo. Red Bull KTM Ajo confirmou ausência do sul-africano no GP das Américas do próximo fim de semana, mas ainda não deu uma data para o retorno do campeão de 2016 da Moto3

 
Brad Binder foi submetido a uma nova cirurgia nesta quinta-feira (13) para tratar uma fratura no braço esquerdo. A lesão original aconteceu em novembro do ano passado, durante um teste coletivo em Valência, mas o sul-africano voltou a ter problemas durante a passagem da Moto2 pela Argentina.
 
O procedimento desta quinta-feira foi conduzido pelo Dr. Xavier Mir, chefe de traumatologia da MotoGP e de cirurgia e microcirurgia de extremidades superiores do Hospital Universitário Quirón-Dexeus, em Barcelona, onde a cirurgia foi realizada.
Brad Binder passou pela terceira operação no braço esquerdo (Foto: Red Bull KTM Ajo)

window._ttf = window._ttf || [];
_ttf.push({
pid : 53280
,lang : “pt”
,slot : ‘.mhv-noticia .mhv-texto > div’
,format : “inread”
,minSlot : 3
});

(function (d) {
var js, s = d.getElementsByTagName(‘script’)[0];
js = d.createElement(‘script’);
js.async = true;
js.src = ‘//cdn.teads.tv/media/format.js’;
s.parentNode.insertBefore(js, s);
})(window.document);

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Binder fraturou o braço esquerdo em Valência após uma queda na curva nove, quando foi atingido pelo protótipo da KTM. Brad foi operado pelo Dr. Mir na ocasião, mas teve de passar por um novo procedimento na África do Sul no início do ano. Na Argentina, o piloto foi examinado após sentir um desconforto no braço, e os exames constatam que a placa colocada na primeira operação tinha sido deslocada e o osso não estava calcificado.
 
“Hoje nós fizemos uma cirurgia em Brad Binder, que tinha sofrido um afrouxamento da placa colocada no braço esquerdo”, disse o Dr. Mir. “A operação consistiu em três fases: a primeira foi a remoção da placa antiga, que tinha perdido o eixo pronador; a segunda foi a colocação de uma nova placa com o eixo correto do rádio, para que ele possa fazer movimentos de torção; e, por fim, removemos um enxerto do braço para envolver a antiga fratura e garantir que o osso vai consolidar o mais cedo possível”, seguiu.
 
“Ele vai permanecer no hospital entre 24 e 48 horas e nós acreditamos que ele poderá começar exercícios de recuperação em três semanas”, concluiu.
 
A Red Bull KTM Ajo confirmou que Binder não vai disputar o GP das Américas da próxima semana e deixou a data de retorno atrelada à evolução do quadro do piloto.
 
PADDOCK GP #73 DISCUTE F1, MOTOGP E INDY E FAZ PRÉVIA DO GP DO BAHREIN

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube