Campeão da MotoGP, Hayden é escolhido para Hall da Fama do Esporte a Motor

O campeão de 2006 da MotoGP vai ser introduzido ao Hall da Fama do Esporte a Motor da América em uma cerimônia que será realizada em Detroit entre os dias 27 e 29 de setembro

Nicky Hayden será eternizado no Hall da Fama do Esporte a Motor da América. Campeão de 2006 da MotoGP, o piloto do Kentucky será introduzido em uma cerimônia que vai acontecer em Detroit, nos Estados Unidos, entre os dias 27 e 29 de setembro.

O Hall da Fama do Esporte a Motor da América foi fundado por Larry G. Ciancio e Ronald A. Watson e, desde 1989, celebra os valores do esporte a motor norte-americano em várias modalidades motorizadas: carros, motos, aviões, off-road e barcos.

Nicky Hayden morreu em 2017, aos 36 anos (Foto: Red Bull)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Antes de chegar à MotoGP, Hayden venceu o AMA Superbike, o campeonato nacional dos Estados Unidos, em 2002. Na classe rainha, além do título de 2006 pela Honda, soma cinco poles, três vitórias e um total de 28 pódios.

Nicky morreu em 2017, aos 36 anos, após ser atropelado enquanto pedalava em Rimini, na Itália. O motorista foi condenado, pois não respeitou a velocidade da via.

“O ‘Kentucky Kid’ é mais conhecido por vencer o Mundial de MotoGP em 2006, quebrando a sequência de cinco títulos consecutivos de Valentino Rossi”, disse o Hall da Fama do Esporte a Motor da América em um comunicado à imprensa. “Hayden surgiu em 1997, quando venceu o primeiro Prêmio AMA Horizon em reconhecimento às suas proezas em flat-track. Em 1999, foi nomeado Atleta do Ano depois de conquistar o título do AMA Supersport e a primeira vitória no Grand National. Três anos mais tarde, foi o mais jovem a vencer o campeonato do AMA Superbike, incluindo a Daytona 200 de 2002”, seguiu.

“Ele foi morto em um acidente de bicicleta em 2007. Naquele ano, o AMA rebatizou o Prêmio Horizon em homenagem a ele”, completou.

A Hall da Fama do Esporte a Motor da América tem entre seus membros no motociclismo lendas como Eddie Lawson, Wayne Rainey, Kenny Roberts, Kevin Schwantz e Freddie Spencer.

Além de ter entrado para o Hall das Lendas da MotoGP, em 2015, Hayden também foi homenageado pela Dorna, promotora do Mundial de Motovelocidade em 2019 com a aposentadoria do #69.

Além de Hayden, a cerimônia deste ano vai homenagear Davey Allison (Stock Cars), John Cobb (Históricos), Larry Dixon Jr. (Drag Racing), Janet Guthrie (Monoposto), Robin Miller (Mídia), Fran Muncey (Barcos a motor), Ray Nichels (Histórico) e Judy Stropus (Sports Cars).

LEIA TAMBÉM
GRANDE PRÊMIO dá pontapé inicial para temporada 2021 com nova programação

https://open.spotify.com/episode/56EWZtjjXZerTSc5mEGdpr?si=dXJwGloaQQ6ZEGdY1gUInQ&nd=1

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube