Chefe da MotoGP rejeita rótulo de GP de alto risco e confia em fim de semana tranquilo: “Creio que tudo vai correr bem”

Diretor-executivo da Dorna, promotora do Mundial de Motovelocidade, Carmelo Ezpeleta não acredita que o conflito entre os pilotos pode acabar em confusão nas arquibancadas de Valência. Dirigente mostrou confiança em um fim de semana tranquilo.

 
Nesta sexta-feira (6), o diretor-executivo da Dorna, a promotora do Mundial de Motovelocidade, não conseguiu fugir do assunto durante a introdução de Nicky Hayden ao Hall da Fama da MotoGP, mas se mostrou confiante de que não haverá nenhum problema ao longo do fim de semana.
Carmelo Ezpeleta não espera confusão nas arquibancadas de Valência (Foto: Divulgação/MotoGP)
A cobertura completa do GP da Comunidade Valenciana no GRANDE PRÊMIO

 “Consideraram eventos de alto risco algumas partidas de futebol que correram muito bem”, lembrou Ezpeleta. “Imagino que isso seja uma coisa decidida pelas autoridades, por indícios ou por qualquer outra coisa, mas creio que tudo vai correr bem e não vai acontecer nada”, opinou. 

 
“Os fãs de moto são de outra maneira e eu não acho que vá haver algum problema”, completou.
 
Os ingressos para a corrida de Valência esgotaram com um mês de antecedência e os organizadores da prova esperam 110 mil pessoas no domingo.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube