Com futuro pendente, Pedrosa mostra segurança e avisa: “Com certeza terei uma moto em 2019”

Dani Pedrosa pode não ter anunciado o que vai fazer em 2019, mas ao menos sabe o que quer. Em Phillip Island, o espanhol afirmou que tem certeza que vai estar em cima de uma moto no próximo ano

Dani Pedrosa pode não ter definido o rumo que vai tomar em 2019, mas já sabe ao menos o que quer fazer. Em Phillip Island, o piloto afirmou que tem certeza de que vai estar em cima de uma moto no próximo ano.
 
A temporada 2018 da MotoGP marca a última do espanhol no Mundial de Motovelocidade. Após 13 campeonatos na classe rainha, o #26 anunciou sua saída das pistas. 
 
Em setembro, o site ‘Motorsport.com’ informou que Pedrosa vai assumir o papel de piloto de testes da KTM em 2019, com o patrocínio da Red Bull sendo crucial para o acordo. Entretanto, o anúncio ainda não foi feito.
Dani Pedrosa (Foto: Repsol)

“Certamente sim, com certeza estarei em uma moto. Agora mesmo não sei, no momento estou seguro de que vou andar de moto, gosto e estou seguro que encontrarei uma moto”, disse.
 

“Normalmente, sempre que vim aqui nos anos anteriores, vim com menos pressão do que agora. Sempre chegava em outra posição no campeonato, mas fui para Sidney um pouco para mudar, nos outros anos ficava no Japão”, continuou.
 
Por fim, Pedrosa ainda reconheceu que não está em sua melhor fomra, já que não tem se sentido tão bem em cima da moto. “A única coisa que acontece é que não consigo sentir a moto como gostaria, por isso não me saio bem nas classificações e corridas”, explicou.
 
“Isso é o que menos gosto, pois não consigo dar o melhor de minha pilotagem com a moto. Não tenho os tempos que gostaria. É uma situação nova e há muitas pessoas que me relembram que não me verão no ano que vem, que sentirão minha falta. No final, as sensações vêm e vão, mas é normal”, encerrou.
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube