Crutchlow elogia ritmo da Yamaha após pré-temporada, mas diz que Honda "ainda é moto a ser batida"

Cal Crutchlow foi o mais rápido do dia em Jerez nesta segunda-feira (25), disse que gostou do desempenho apresentado pela Yamaha, mas ressaltou que a Honda ainda está um passo à frente

O bom desempenho apresentado pela Yamaha nos testes desta semana em Jerez de la Frontera não foi suficiente para transformar a esquadra em principal favorita ao título na MotoGP em 2013. A opinião é de Cal Crutchlow, homem mais rápido dos treinos na pista espanhola, a bordo da M1 satélite da Tech3. O inglês liderou o último dia de atividades nesta segunda-feira (25) e disse que a Honda ainda é a moto a ser batida.

Mesmo assim, o britânico gostou do ritmo mostrado durante a sessão de hoje e apenas lamentou a chuva que marcou os trabalhos da classe rainha do motociclismo mundial no circuito andaluz.  "Fizemos bons tempos de volta hoje e, no final, tivemos um ritmo consistente. Fiquei contente com isso, foi importante", afirmou Crutchlow ao site oficial da MotoGP, logo depois do treino.

 As imagens do último dia de testes da pré-temporada em Jerez

Cal Crutchlow liderou treino em Jerez (Foto: Reprodução/Facebook/Tech3)

"Realmente, sinto que estamos no caminho certo. Foi decepcionante não conseguir completar 70 voltas ao longo desses três dias, mas foi bom ver que estamos com um bom desempenho. Penso, na verdade, que agora estamos todos no mesmo barco", explicou o inglês, acrescentando, porém, que os rivais da Honda ainda estão em um patamar acima.

"Creio que, de momento, é muito complicado bater Dani (Pedrosa) e Marc (Márquez). Acho que eles têm um pacote muito competitivo nas mãos. Sabemos que Dani está muito confiante e até foi mais cedo para casa hoje. Veja como está seguro com a moto", brincou por um instante. "Nós, por outro lado, ainda estamos trabalhando arduamente com a Yamaha, mas será uma grande batalha no Catar", completou.

A primeira etapa do Mundial 2013 está marcada para o dia 7 de abril, com a corrida noturna em Losail.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube