MotoGP

Diretor-técnico vê “melhora geral em todos os aspectos” e cita reestruturação da Aprilia como chave para evolução

Diretor-técnico da Aprilia, Romano Albesiano avaliou que as mudanças feitas no departamento de corridas da marca foram essenciais para a evolução da RS-GP. O dirigente considerou que o protótipo entra em 2019 com “melhora geral em todos os aspectos” da moto

Grande Prêmio / JULIANA TESSER, de São Paulo
Diretor-técnico da Aprilia, Romano Albesiano parece bastante satisfeito com o rumo seguido pela equipe em 2019. Agora focado apenas no aspecto técnico da RS-GP, o dirigente falou em uma melhora geral da moto e celebrou as mudanças feitas no departamento de corridas da fábrica de Noale.
 
Nesta sexta-feira (22), a Aprilia apresentou uma RS-GP de visual repaginado, com o preto característico da marca ganhando espaço no layout da moto. A mudança, no entanto, não se restringe a aparência, especialmente após o 2018 ruim do time.
A moto de 2019 da Aprilia ganhou um visual repaginado (Foto: Aprilia)
Na visão de Albesiano, os recém-chegados Andrea Iannone e Bradley Smith, titular e piloto de testes, respectivamente, contribuíram consideravelmente com o trabalho já feito por Aleix Espargaró, facilitando a direção seguida pelos engenheiros.
 
“A última parte da temporada passada e os testes de inverno foram fundamentais do ponto de vista técnico”, disse Albesiano. “A chegada de Andrea e Bradley adicionou informações à contribuição fundamental de Aleix, nos ajudando a definir a linha de evolução da RS-GP”, continuou.
 
“Este é um projeto que se concretizou nesta temporada, com uma melhora geral em todos os aspectos”, assegurou. “Trabalhamos muito para torná-la mais leve. Fizemos mudanças na arquitetura do chassi e no controle eletrônico, deixando margem para novos avanços que serão feitos constantemente durante a temporada”, apontou.
 
Além da mudança no quadro de pilotos, Albesiano agora tem menos responsabilidades dentro do time, já que Massimo Rivola deixou a F1 para assumir o posto de diretor-executivo.
 
“A reorganização do departamento de corridas e a reforço da equipe de testes foram dois aspectos chave na preparação ao logo do inverno, permitindo que agilizássemos os processos e tivéssemos uma análise mais precisa dos dados. Esses são aspectos essenciais da MotoGP atualmente”, concluiu.