Dovizioso evita metas e diz que Ducati tem de trabalhar para ser competitiva em todas as condições: “Ainda falta algo”

Andrea Dovizioso avaliou que a Ducati ainda tem de trabalhar para ser competitiva em todas as condições. Italiano considerou que GP do Catar não serve de parâmetro, já que foi uma prova anormal

 
Apesar de ter brigado pela vitória no GP do Catar, Andrea Dovizioso admite que a Ducati não está em condições de brigar pelo topo do pódio em todas as corridas da temporada. O #4 terminou a prova em Losail em segundo, 0s461 atrás de Maverick Viñales, o vencedor.
 
Mesmo com a boa exibição na prova catari, Dovizioso acredita que o desempenho em Losail não serve de parâmetro, já que a corrida teve condições incomuns. Assim, o italiano reconheceu que será preciso melhorar mais a GP17 para enfrentar rivais como Honda e Yamaha.
Andrea Dovizioso acredita que a Ducati ainda tem de melhorar para poder brigar em todas as condições (Foto: Ducati)

window._ttf = window._ttf || [];
_ttf.push({
pid : 53280
,lang : “pt”
,slot : ‘.mhv-noticia .mhv-texto > div’
,format : “inread”
,minSlot : 3
});

(function (d) {
var js, s = d.getElementsByTagName(‘script’)[0];
js = d.createElement(‘script’);
js.async = true;
js.src = ‘//cdn.teads.tv/media/format.js’;
s.parentNode.insertBefore(js, s);
})(window.document);

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

“Acho que é muito difícil traçar uma meta ou algo assim depois desta corrida, porque foi um fim de semana estranho e, especialmente, uma corrida estranha”, disse Dovizioso. “A corrida foi bem lenta e as condições bem ruins. Os intervalos entre os pilotos foram pequenos, mas não acho que esta seja a realidade”, seguiu.
 
“Acho que somos bem competitivos e, em algumas pistas, muito competitivos como no passado, mas ainda falta alguma coisa e não conseguimos mudar isso até agora”, comentou. “Então temos de melhorar em alguns pontos para realmente ficar com eles a cada fim de semana. Sei o quanto eles são fortes e o quão fortes são em todas as condições em todas as corridas”, reconheceu.

#GALERIA(6971)
DEBATE QUENTE SOBRE AS ESTREIAS DE F1 E MOTOGP. ASSISTA

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube