“Gênio, arrepios e muito, muito bom”: pilotos se rendem à atuação de Acosta na Moto3

Pelas redes sociais, pilotos exaltaram a atuação do jovem de 16 anos, que largou do pit-lane de Losail para vencer pela primeira vez na carreira no Mundial de Motovelocidade

Jorge Martín arrancou aplausos do paddock com pódio na MotoGP (Vídeo: MotoGP)

Pedro Acosta ganhou uma série de elogios após a atuação irrepreensível que exibiu no GP de Doha deste domingo (4). Pelas redes sociais, pilotos como Marc Márquez, Fabio Quartararo e Eugene Laverty exaltaram a atuação do piloto de 16 anos.

Campeão da Red Bull Rookies Cup no ano passado, Acosta largou do pit-lane após ser punido pela FIM (Federação Internacional de Motociclismo) ainda na sexta-feira. Ainda assim, o piloto da Ajo conseguiu escalar o pelotão para bater Darryn Binder na linha de chegada por só 0s039.

PEDRO ACOSTA; MOTO3; DOHA; CATAR;
Pedro Acosta, de apenas 16 anos, venceu de forma incrível o GP de Doha da Moto3 (Foto: Reprodução)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram.

Hexacampeão da MotoGP, Marc Márquez exaltou o jovem piloto pelo Twitter: “Pedro Acosta é bom, muito bom. Parabéns pela primeira vitória de muitas no Mundial. Bravo!”.

Fabio Quartararo também elogiou a performance do espanhol. “Um grande parabéns a Pedro Acosta pela vitória. A primeira de muitas! Arrepios”, comentou.

Eugene Laverty, que é piloto da BMW no Mundial de Superbike, também foi elogioso à performance do jovem.

“Que pilotagem de Pedro Acosta para vencer a corrida da Moto3 partindo do pit-lane! Aquele garoto não estava só assistindo corridas na última década, ele estava estudando. Do primeiro setor à última volta, passando por uma guinada na corrida até a bandeira quadriculada. Que gênio”, exaltou.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar