GP às 10: MotoGP amplia calendário e corre risco de ficar ainda mais na sombra da F1

A MotoGP vai fazer, em 2022, o maior campeonato de sua história, com 21 etapas. Mas isso é necessariamente positivo ou existem pontos negativos? É o assunto GP às 10 de hoje

MOTOGP AMPLIA CALENDÁRIO PARA 2022 E PODE TER EFEITO NEGATIVO | GP às 10

A MotoGP anunciou, nesta semana, o seu calendário para a próxima temporada. Com 21 etapas previstas, o Mundial de Motovelocidade vai realizar o maior campeonato da história. Se por um lado isso é bom, com mais interessados em receber o certame, há também o lado negativo.

Com o inchaço da MotoGP, assim como da Fórmula 1, a categoria de motos corre o risco de ser ainda mais coadjuvante da concorrente em diversos finais de semana ao longo de 2022. É isso que Pedro Luis Cuenca aborda no GP às 10 de hoje.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar