Lowes ponteia terceiro treino da Moto2 na Áustria. Bastianini fica com quarto tempo

O britânico da Marc VDS assegurou a ponta da tabela na manhã deste sábado (15) com 0s073 de vantagem para Remy Gardner. Luca Marini ficou com o terceiro posto. Líder do Mundial, Enea Bastianini foi 0s161 mais lento que o ponteiro

LEIA TAMBÉM
Zarco faz currículo à la Elle Woods e amplia disputa por vaga de Dovizioso na Ducati

Sam Lowes começou o sábado (15) com o pé direito. O britânico da Marc VDS, que já tinha liderado o primeiro dia de atividades no Red Bull Ring, assegurou a liderança da terceira sessão de treinos livres para o GP da Áustria de Moto2.

Sam cravou 1min28s877 na melhor de suas 23 voltas nesta manhã e ficou com a liderança por 0s073 de margem para Remy Gardner. Mais 0s070 atrás, Luca Marini garantiu o terceiro posto na tabela.

Sam Lowes já tinha liderado a sexta-feira (Foto: Marc VDS)

Líder do Mundial, Enea Bastianini foi 0s161 mais lento que o ponteiro e acabou em quarto, à frente de Arón Canet. Marco Bezzecchi aparece em seguida, com Xavi Vierge, Sonkiat Chantra, Tetsuta Nagashima e Tom Lüthi completando a lista dos dez melhores.

Levando em conta o resultado combinado dos treinos, Lowes avança direto ao Q2 da classificação, assim como Gardner, Jorge Martín, Marini, Bastianini, Canet, Bezzecchi, Vierge, Chantra, Augusto Fernández, Nagashima, Lüthi, Navarro e Jake Dixon.

Saiba como foi o treino livre 3 da Moto2 no Red Bull Ring:

O sol conseguiu romper o bloqueio das nuvens e esquentou o Red Bull Ring para o treino da Moto2. Na hora do terceiro treino do fim de semana, os termômetros marcavam 20°C, com o asfalto chegando a 28°C. A velocidade do vento era de 8 km/h.

Marco Bezzecchi abriu a sessão no topo da tabela com 1min29s886, 0s098 melhor que Luca Marini. Sam Lowes vinha em terceiro. Tetsuta Nagashima, por outro lado, começou com uma queda que deixou a Kalex da Red Bull KTM Ajo bastante danificada.

Pouco depois, Marini foi a 1min29s134 e assumiu a ponta, 0s119 melhor que Marco Bezzecchi. Tom Lüthi vinha em terceiro, seguido por Remy Gardner e Sonkiat Chantra.

Lüthi melhorou um pouco mais e avançou para a segunda colocação, 0s054 atrás de Marini. O suíço, porém, foi destronado pouco depois por um Chantra 0s017 melhor.

Na primeira rodada de pit-stops, Marini seguia na ponta, com Chantra, Lüthi, Bezzecchi, Schrötter, Navarro, Fernández, Bastianini, Gardner e Baldassarri completando o rol dos dez melhores.

De volta à pista, Lowes foi a 1min28s877 e assumiu a ponta, 0s257 melhor que Marini. Chantra era o terceiro, à frente de Lüthi e Navarro.

Na sequência, Nicolò Bulega baixou para 1min29s073 e saltou para a segunda colocação, derrubando Marini para terceiro. Xavi Vierge também foi mais rápido e agora ocupava a quarta colocação.

Já na reta final da sessão, Jorge Navarro sofreu uma queda forte na curva 1, mas escapou de lesões mais sérias.

Já na reta final da sessão, Remy Gardner anotou 1min28s950 e saltou para a segunda colocação, reduzindo para 0s073 a vantagem de Lowes. Bastianini também foi melhor e agora aparecia em terceiro.

Marini acertou mais uma boa volta e com 1min29s020, voltou ao terceiro lugar, 0s143 atrás de Lowes, que permanecia na ponta.

Com a bandeira quadriculada tremulando no Red Bull Ring, ninguém bateu a marca de Lowes, que ficou com a ponta da tabela por uma diferença de 0s073.

SPIELBERG WEATHER

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO? Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.
Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.
Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube