Márquez detona tempo de Smith no fim e fecha primeiro dia de treinos no Japão na ponta

Marc Márquez destruiu o tempo de Bradley Smith já com o cronometro zerado e foi o mais rápido no segundo treino livre para o GP do Japão de Moto2. Scott Redding completa o top-3

Parecia que Bradley Smith iria liderar o segundo treino livre para o GP do Japão de Moto2. Só parecia. Marc Márquez cravou 1min51s834 já com o cronometro zerado e detonou o tempo do piloto da Tech 3 por 0s187 de diferença.

O titular da Catalunya assumiu a ponta logo nos primeiros minutos, mas foi retirado da posição de honra por Scott Redding. O piloto da Marc VDS comandou parte da sessão, até que Smith surpreendeu e registrou a melhor marca.

Márquez lidera Mundial com sobras (Foto: MotoGP)

Scott tentou responder, mas não conseguiu uma volta limpa e acabou fechando o treino com o terceiro posto. Já com o cronometro zerado, Márquez anotou 1min51s834 e assumiu a ponta da tabela.

Pol Espargaró não conseguiu repetir a mesma performance dominante da primeira sessão e ficou em quarto, à frente de Thomas Lüthi e Tito Rabat. Nico Terol ficou em sétimo, seguido por Takaaki Nakagami, Julian Simon e Mika Kallio.

Eric Granado encerrou a sessão com o 31º tempo. O piloto da JiR anotou 1min55s305 em seu melhor giro e ficou a 3s471 de Márquez.

Saiba como foi o segundo treino desta sexta:
 
Márquez anotou 1min52s544 ainda no início do exercício e assumiu a ponta da tabela à frente de Nakagami e Di Meglio. Lüthi logo exibiu um bom ritmo e subiu para o segundo posto, mas ainda longe de bater o piloto da Catalunya, que continuava melhorando seus tempos.
 
Andrea Iannone, que teve um desempenho para lá de discreto no primeiro exercício, não teve um dia bom no Japão e sofreu uma queda ainda no início do treino.  
 
Na parte intermediária da sessão, Rabat, que comandou o primeiro exercício em solo nipônico, reapareceu a assumiu a segunda colocação da tabela ao anotar 1min52s463.
 
Faltando pouco menos de 20 minutos para o fim, Redding assumiu a ponta ao baixar o tempo de Márquez em 0s018. 
Smith foi batido com o cronometro zerado (Foto: MotoGP)

Mais atrás, Espargaró conseguiu melhorar o ritmo e assumiu a quinta posição ao cravar 1min52s390, 0s190 atrás de Redding. Faltando pouco menos dez minutos para o fim, Smith assumiu a liderança com 1min52s021. 
 
Márquez foi mais veloz na sequência e subiu para o segundo lugar, 0s121 atrás de Smith. Redding também tentou reagir, mas não conseguiu melhorar sua marca e manteve a terceira colocação. 

Moto2, GP do Japão, Motegi, 2º Treino Livre:

 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube