Márquez vê “primeira volta incrível” na Malásia, mas diz: “Viñales era mais rápido”

Marc Márquez não conseguiu repetir a performance do GP da Austrália e acabou derrotado por Maverick Viñales no GP da Malásia. O #93, no entanto, saiu satisfeito graças a uma “primeira volta incrível”, já que largou em 11º

Marc Márquez avaliou que fez uma “primeira volta incrível” no GP da Malásia de domingo (4). Depois de uma queda na classificação, o #93 largou em 11º, mas assumiu o segundo lugar ainda na primeira volta em Sepang.
 
Ao contrário do que aconteceu na Austrália, no entanto, Márquez não conseguiu enfrentar Maverick Viñales, que aproveitou o bom ritmo que tinha para abrir vantagem ainda no início da disputa.
 
Paddockast #40
QUEM VOCÊ ENTREVISTARIA NO GP DO BRASIL DE F1?

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

“A primeira volta foi incrível, e não só para mim. Dovi fez uma largada incrível e foi como um foguete do lado esquerdo do grid”, disse Márquez. “Na primeira curva, eu fiz uma boa manobra e aí estava só forçando”, seguiu.
 
Márquez ressaltou que sabia que tinha de colar em Viñales rápido, mas acabou perdendo tempo em uma disputa com Jack Miller. 
 
“Eu estava procurando Viñales, porque sabia que ele tinha o melhor ritmo e sabia que, se pudesse alcançá-lo, estaria com ele como em Phillip Island, mas aí, em duas voltas, eu perdei muito tempo com Jack e aí ele abriu uma diferença de 1s. Eu tentei, mas ele era mais rápido”, reconhecei. “Quando ele é mais rápido, é impossível reduzir a distância. Hoje ele foi o cara mais rápido na pista. Hoje eu disse: ok, fiz a parte mais difícil e agora preciso terminar a corrida. Eu estava forçando e, em algumas partes da corrida, o estava alcançando, mas cometi um erro na curva 7-8, saí da pista e voltei”, recordou.
 
“Fora isso, estou feliz. É verdade que, mais uma vez, é o nosso pior resultado do ano com o segundo lugar, mas largamos em 11º e, normalmente, temos muita dificuldade aqui, mas conseguimos mais uma vez”, completou.
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube