Médico impede participação de Rabat no GP do Japão e define título da Moto2 em favor de Zarco

Depois de permitir a participação de Tito Rabat no primeiro treino livre do GP do Japão de Moto2, o Dr. Ángel Charte revisou a condição do piloto após a primeira saída e impediu a participação do espanhol no restante do fim de semana em Motegi. Com o piloto da Marc VDS fora, Johann Zarco já garante o título da classe intermediária

A cobertura completa do GP do Japão no GRANDE PRÊMIO

Johann Zarco não precisa nem entrar na pista no próximo domingo para ser declarado campeão da Moto2 em 2015. Com 79 pontos de vantagem na classificação da classe intermediária, o francês viu seu único rival na briga pelo título ser vetado pelos médicos na manhã desta sexta-feira (8) no Japão e chegou ao primeiro Mundial com antecipação. 

 
O piloto da Marc VDS sofreu um acidente durante um teste em Almería na última segunda-feira e fraturou o rádio do braço esquerdo. Apesar de ter sido submetido a uma cirurgia para estabilizar a fratura, Rabat viajou ao Japão com o plano de correr em Motegi, mas encontrou nos médicos um obstáculo para a conclusão de seus planos.
Tito Rabat foi barrado pelos médicos e não vai correr no Japão (Foto: Marc VDS)
 Inicialmente, Tito recebeu o OK dos médicos para participar do primeiro treino livre, mas, após sua primeira saída, foi submetido a uma nova avaliação ainda nos boxes da Marc VDS e proibido pelo Dr. Ángel Charte de dar sequência ao treino.
 
Pelas redes sociais, a Marc VDS anunciou que, junto com Tito, tomou a decisão de não dar sequência ao fim de semana. Assim, Zarco já é efetivamente o campeão de 2015, uma vez que, mesmo que não pontue em Motegi, não poderá mais ser alcançado por Rabat.
O piloto da Ajo foi oficializado como campeão pela organização da MotoGP pouco após o fim da primeira sessão de treinos livres. Antes, havia sido informado de sua conquista pela TV espanhola, já que nem mesmo o time de Aki Ajo tinha contado ao francês sobre a ausência de seu único rival na briga pelo título.
 
Esta, aliás, não é a primeira vez que o título da Moto2 é definido antes da largada. Em 2011, Stefan Bradl foi confirmado como campeão ainda no treino classificatório, após Marc Márquez não entrar na pista por conta de um problema de visão.
 
O hoje piloto da Honda havia sofrido um acidente na Malásia que resultou em um edema periorbitário, que o fazia enxergar dobrado. Marc precisou de um longo período de recuperação, mas voltou às pistas a tempo da abertura da temporada 2012, ano em que faturou o título da divisão intermediária.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube