Navarro aproveita chuva e é pole da Moto2 na Austrália. Márquez larga em 6º

Jorge Navarro acertou o momento ideal para cravar 1min33s565 e aproveitou a chegada da chuva para conquistar sua terceira pole-position na Moto3. 0s321 mais lento, Brad Binder ficou com o segundo posto, com Luca Marino fechando a primeira fila. Álex Márquez fez o sétimo tempo, mas vai largar em sexto por causa de uma punição a Sam Lowes

A chuva foi determinante no desfecho do treino classificatório da Moto2 neste sábado (26). Instantes antes da virada do tempo, Jorge Navarro cravou 1min33s565 e, com a mudança nas condições de pista, não pôde mais ser alcançado.
 
Apesar do vai e vem climático, o treino da Moto2 começou com pista seca, mas as muitas nuvens no céu mantinham os pilotos em alerta. Na quarta das seis voltas que completou, Navarro registrou 1min33s565 e não foi mais incomodado.
 
0s321 mais lento, Brad Binder colocou a KTM no segundo posto, com Luca Marini aparecendo mais 0s048 atrás para completar a primeira fila do grid.
Jorge Navarro (Foto: Speed Up)
Só 0s002 mais lento que o #10, Fabio Di Giannantonio vai abrir a segunda fila, seguido por Jorge Martín. Com 1min34s041, Sam Lowes conquistou o sexto posto, mas vai largar em último, o que promove Álex Márquez a segunda fila.
 
Jesko Raffin aparece na sequência, escoltado por Marco Bezzecchi, Iker Lecuona e Tom Lüthi.
 
Primeiro entre os eliminados no Q1, Lorenzo Baldassarri vai largar em 18º, à frente de Bo Bendsneyder, Marcel Schrotter, Joe Roberts, Andrea Locatelli e Dominique Aegerter, que fez uma salvada no padrão ‘irmãos Márquez’ no instante final da sessão.
 
Neste sábado, dois pilotos entraram na pista sabendo que teriam de cumprir punição. Tetsuta Nagashami perdeu três posições no grid por ter derrubado um colega no GP do Japão, enquanto Sam Lowes foi enviado pelo Painel de Comissários da FIM (Federação Internacional de Motociclismo) para a última posição do grid por direção irresponsável ainda na sexta-feira.
 

O GP da Austrália de Moto2 está marcado para o sábado, às 23h20 (de Brasília). Acompanhe aqui a cobertura do GRANDE PRÊMIO.

Paddockast #39
O MELHOR SEM TÍTULO DA F1

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

Lowes avança ao Q2 na companhia de Gardner, Vierge e Marini
 
Apesar do vai e vem da chuva nesta tarde, a Moto2 começou a classificação com pista seca. Mas o frio se fazia presente: no início do Q1, os termômetros mediam 13°C, com o asfalto chegando a 19°C. A velocidade do vento era de 14 km/h.
 
Com 1min37s855, Phillip Oettl abriu a sessão no topo da tabela, 0s267 melhor que Xavi Vierge, o segundo colocado. Joe Roberts e Xavi Cardelus completavam o top-4, com Dominique Aegerter 0s043 abaixo da linha de corte.
 
Na sequência, Lorenzo Baldassarri cravou 1min35s425 e assumiu a ponta, com Roberts aparecendo 0s144 mais lento pelo segundo lugar. Remy Gardner e Vierge tinham provisoriamente as últimas duas vagas na fase seguinte.
 
Instantes mais tarde, Lowes foi a 1min34s357 e assumiu a ponta, 0s242 melhor que Gardner, o segundo colocado. Baldassarri e Bendsneyder tinham as últimas duas vagas para o Q2.
Marini, então, saltou para a quarta colocação, 0s415 mais lento que Lowes, no momento ideal, já que a chuva voltou a cair em Phillip Island. 
 
Assim, Lowes, Gardner, Vierge e Marini avançaram para a fase seguinte, enquanto Baldassarri vai largar em 19º, à frente de Bo Bendsneyder, Marcel Schrotter, Joe Roberts, Andrea Locatelli, Dominique Aegerter e Jake Dixon. 
 

Navarro encerra jejum e é pole em Phillip Island

Aprovados no Q1, Lowes, Gardner Vierge e Marini se juntaram aos 14 mais rápidos do fim de semana para brigar pela pole. 
 
Marco Bezzecchi abriu a sessão na ponta da tabela, 0s021 melhor que Fabio Di Giannantonio. Na volta seguinte, Luca Marini foi a 1min33s934 e assumiu a pole provisória, 0s004 melhor que Brad Binder, o segundo colocado.
 
Jorge Navarro apareceu na sequência para anotar 1min33s565 e tomar a liderança, 0s321 melhor que Binder. Marini caiu para terceiro, à frente de Fabio Di Giannantonio e Jorge Martín.
 
Com pouco mais de 5 minutos para o fim da sessão, as bandeiras de chuva voltaram a ser exibidas em Phillip Island. O que, aliás, vinha acontecendo de tempos em tempos neste sábado.
 
Desta vez, porém, a chuva ganhou corpo, impedindo qualquer novo ataque à pole-position. 

Moto2 2019, GP da Austrália, Phillip Island, Classificação:

1 J NAVARRO Speed UP 1:33.565    
2 B BINDER Red Bull KTM Ajo 1:33.886 +0.321  
3 L MARINI VR46 Kalex 1:33.934 +0.369  
4 F DI GIANNANTONIO Speed UP 1:33.936 +0.371  
5 J MARTÍN Red Bull KTM Ajo 1:33.941 +0.376  
6 A MÁRQUEZ Marc VDS Kalex 1:34.136 +0.571  
7 J RAFFIN Intact Kalex 1:34.243 +0.678  
8 M BEZZECCHI Tech3 KTM 1:34.250 +0.685  
9 I LECUONA American KTM 1:34.257 +0.692  
10 T LÜTHI Intact Kalex 1:34.293 +0.728  
11 N BULEGA VR46 Kalex 1:34.497 +0.932  
12 S MANZI Forward MV Agusta 1:34.663 +1.098  
13 R GARDNER SAG Kalex 1:34.694 +1.129  
14 T NAGASHIMA SAG Kalex 1:34.399 +0.834 P+3
15 X VIERGE Marc VDS Kalex 1:34.730 +1.165  
16 A FERNÁNDEZ PONS Kalex 1:35.173 +1.608  
17 E BASTIANINI Italtrans Kalex 1:36.305 +2.740  
18 L BALDASSARRI PONS Kalex 1:34.812 +1.247  
19 B BENDSNEYDER RW NTS 1:34.970 +1.405  
20 M SCHROTTER Intact Kalex 1:35.012 +1.447  
21 J ROBERTS American KTM 1:35.072 +1.507  
22 A LOCATELLI Italtrans Kalex 1:35.220 +1.655  
23 D AEGERTER Forward MV Agusta 1:35.388 +1.823  
24 J DIXON Angel Nieto KTM 1:35.401 +1.836  
25 P OETTL Red Bull KTM Ajo 1:36.003 +2.438  
26 M PASINI Tasca Kalex 1:36.320 +2.755  
27 S CHANTRA Team Tady Kalex 1:36.750 +3.185  
28 X CARDELUS Angel Nieto KTM 1:37.206 +3.641  
29 A NORRODIN SIC Kalex 1:37.376 +3.811  
30 L TULOVIC Kiefer KTM 1:37.533 +3.968  
31 D PRATAMA Team Tady Kalex 1:39.830 +6.265  
32 S LOWES Gresini Kalex 1:34.041 +0.476 P+26
           
REC F MORBIDELLI Marc VDS Kalex 1:50.788 156.0 km/h  
MV J ZARCO Ajo KTM 1:49.961 157.1 km/h  
           
  Condições do tempo PISTA SECA   ar: 13ºC | pista: 23ºC  


 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar