MotoGP

Pedrosa passa por nova cirurgia para tratar “inesperada” fratura dupla em clavícula direita

Dani Pedrosa vai ter que passar por nova intervenção cirúrgica. Mesmo sem sofrer uma queda ou um acidente, acabou fraturando sua clavícula direita em dois pontos, precisando ir para a sala de operação e investindo certo tempo em sua recuperação
Warm Up / Redação GP, de São Paulo
 Dani Pedrosa (Foto: Divulgação/MotoGP)
Dani Pedrosa não vive fase das mais fáceis em sua vida. Nesta quarta-feira (9), o piloto informou que vai passar por nova cirurgia, agora para tratar de uma fratura dupla sofrida em sua clavícula direita.
 
De acordo com um comunicado, o espanhol não sofreu qualquer acidente ou queda. “De forma inesperada, tive uma fratura dupla por estresse na clavícula direita, simplesmente em um movimento de força. Nos últimos anos, tenho sofrido fraturas na região, da última vez foram em três áreas, deixando-a danificada”, explicou.
 
“A parte do meio não tem fluxo suficiente de sangue, criando a osteoporose, o que precisa de uma solução efetiva para regenerar o osso e conseguir uma recuperação adequada. Após me submeter a testes e consultas médicas, a recomendação clara é a recuperação total e a saúde do osso”, completou.
Dani Pedrosa (Foto: Repsol)
Além do revés para o espanhol, a KTM também vai sofrer com o contratempo. Contratando o #26 como piloto de testes para a temporada 2019, o período em que o piloto estiver parado vai atrasar o cronograma da equipe. 
 
“Agradeço a KTM pela confiança que depositaram em mim e seu apoio para minha plena recuperação. Estamos bastante animados com o trabalho que estamos realizando e é por ele que quero estar fisicamente na melhor condição para seguir a empolgante tarefa que temos feito. Para mim, os desafios não param”, afirmou.
 
Dani vai passar por uma operação especial. De acordo com o planejamento médico, a cirurgia vai contar com um enxerto constituído por suas células-tronco da medula óssea. Com isso, se busca a melhor e mais efetiva melhora do membro lesionado.

Na temporada 2018, chegou a passar por uma intervenção cirúrgica após uma queda no GP da Argentina, onde fraturou o punho direito