Rins é operado após fratura na clavícula, e médico espera volta às pistas já para etapa de Silverstone da Moto2

Álex Rins foi submetido a uma cirurgia nesta quinta-feira (25) para estabilizar a fratura na clavícula esquerda sofrida em um acidente de treino. Se recuperação ocorrer sem problemas, espanhol deve voltar às pistas já em Silverstone

Álex Rins passou por uma cirurgia nesta quinta-feira (25) para estabilizar a fratura sofrida na clavícula esquerda em um acidente durante uma sessão de treinos. O piloto da Pons foi operado pelo Dr. Xavier Mir, no Hospital Universitário Quirón Dexeus.
 
No procedimento, o Dr. Mir, que é chefe da Unidade de Patologia de Mão e Extremidade Superior, colocou uma placa de titânio com parafusos bloqueados para estabilizar o osso. A expectativa é que o piloto esteja em condições de disputar a etapa da Inglaterra, que acontece em Silverstone no próximo dia 4 de setembro.
Álex Rins foi operado pelo Dr. Xavier Mir (Foto: Pons)

window._ttf = window._ttf || [];
_ttf.push({
pid : 53280
,lang : “pt”
,slot : ‘.mhv-noticia .mhv-texto > div’
,format : “inread”
,minSlot : 1
,components : { mute: {delay :3}, skip: {delay :3} }
});

(function (d) {
var js, s = d.getElementsByTagName(‘script’)[0];
js = d.createElement(‘script’);
js.async = true;
js.src = ‘//cdn.teads.tv/media/format.js’;
s.parentNode.insertBefore(js, s);
})(window.document);

“Nós fizemos uma intervenção em Álex para atender a fratura de terço médio da clavícula esquerda”, disse Mir. “Nós reduzimos a fratura e colocamos uma placa de titânio com parafusos bloqueados de seis orifícios”, detalhou.
 
“Posteriormente, fizemos uma radiografia de controle que nos evidenciou que a fratura estava reduzida e fizemos o procedimento de fechar a pela e a musculatura ao redor da clavícula”, contou. “Nossa ideia é que ele permaneça internado até amanhã com tratamento analgésico para realizar a próxima cura na segunda-feira e começar neste mesmo dia com a reabilitação”, concluiu.
PADDOCK GP #43 DEBATE INDY E MOTOGP E FAZ PRÉVIA DA F1

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube